Destaques, RN

CERNE apresenta potencial energético do RN aos investidores chineses

Dando continuidade à visita da comitiva chinesa liderada pela Cônsul Geral da China em Recife, Yan Yuqing, a governadora do Rio Grande do Norte, Fátima Bezerra, recebeu o grupo nesta quarta-feira (10) para um encontro com lideranças e empresários dos principais setores econômicos do estado.

Representantes do primeiro escalão do Governo do Estado e algumas instituições convidadas, entre elas o Centro de Estratégias em Recursos Naturais e Energia (CERNE), puderam apresentar aos investidores chineses um panorama das potencialidades e as oportunidades de negócio existentes nas diversas regiões do Estado.

O presidente do CERNE, Darlan Santos, ressaltou as potencialidades em energia renovável e citou alguns dos principais projetos desenvolvidos ou apoiados pela entidade. Ele traçou o cenário atual do setor eólico no estado, que produz 30% de toda a energia eólica do país, tendo mais de 150 projetos em operação.

O RN detém a maior concentração de aerogeradores no país, com 1.500 máquinas, e investimento superior a R$ 15 bilhões. “Já estamos estudando a potencialidade do estado na exploração offshore (com equipamentos instalados no mar), e agregar também a exploração da energia solar, que complementa a energia eólica”, adiantou.

Darlan apresentou ainda à delegação chinesa, como uma proposta de investimento, um sistema de dessalinização operado com energia solar para a região do semiárido potiguar e um projeto de desenvolvimento de um veículo popular elétrico.

A comitiva do governo da China desembarcou em solo potiguar na última terça-feira, 9, para tratar de possíveis investimentos nas áreas de energia, mineral, agrícola, ferrovias e turismo. A Cônsul Geral, Yan Yuqing, chefia a delegação composta por 30 integrantes.

Read More...

RN

Chineses querem investir em mineração no RN

Na noite da última quinta-feira (25), um grupo de investidores e líderes chineses de Jiangxi se reuniram com o governador do Rio Grande do Norte, Robinson Faria. O encontro resultou num acordo que tornou Jiagxi e o RN “estados- irmãos”, o que facilita a consolidação de projetos futuros.

“Mais uma vez, chineses vieram ao Rio Grande do Norte em busca de parcerias com o nosso estado. Eles estão interessados em investir em várias áreas, sobretudo na parte de mineração”, assinalou Robinson Faria. “Nosso governo dará todo o apoio, segurança jurídica e agilidade para que eles se sintam confortáveis s e seguros para investir aqui”, acrescentou.

Com 46 milhões de habitantes, o estado de Jiagxi tem forte atuação na mineração, na fabricação de remédios e na área de tecnologias. A região tem tido um crescimento econômico médio anual de dois dígitos, e só no ano passado movimentou cerca de R$ 700 milhões de dólares em exportação com o Brasil.

“Nós temos muitas semelhanças, entre elas, o forte potencial para a mineração. Nosso segmento de Xelita está em segundo lugar no mundo. Podemos fazer muitas parcerias com o Rio Grande do Norte”, assinalou Huang Yuejin, governador de Jiangxi.

Conforme já noticiado anteriormente aqui no Portal N10, a fábrica de placas fotovoltaicas para energia solar do grupo chinês Chint Eletrics Co. será instalada numa área de 25 hectares no município de Extremoz. Na primeira fase – ainda sem data oficial para iniciar, o investimento será de R$ 112 milhões e vai ofertar 1.300 empregos diretos e indiretos.

Read More...