Suspeito de matar jornalistas nos EUA se suicida durante perseguição

Suspeito de matar jornalistas nos EUA se suicida durante perseguição

Suspeito de matar jornalistas nos EUA se suicida durante perseguição

Romário Nicácio agosto 26, 2015 Mundo

A polícia americana confirmou que o homem que matou dois jornalistas durante uma entrevista ao vivo na manhã desta terça-feira (26) morreu no hospital. O suspeito havia tentado suicídio enquanto era perseguido pela polícia em uma rodovia interestadual em Virgínia, nos Estados Unidos, e foi levado para a unidade de saúde, de acordo com a CNN. Morreu às 13h30, horário local (14h30 horário de Brasília). O atirador é um ex-funcionário da emissora de TV WDBJ, afiliada à rede norte-americana CBS.

Dois jornalistas são mortos durante transmissão ao vivo para TV nos EUA; veja o momento 

O suspeito foi identificado como Vester Lee Flanagan, de 41 anos. Ele trabalhou durante um ano na emissora e usava como nome profissional Bryce Williams, de acordo com o relato de um antigo funcionário da empresa à CNN. Autoridades já descartaram que o ataque tenha sido um ato de terrorismo, mas sim um caso criminal. O suspeito filmou a própria ação e publicou no Twitter. A conta foi removida em seguida.

jornalista

Outros artigos