Destaques, Saúde

SUS vai ampliar atendimento a bebês com cardiopatia congênita

Cardiopatia Congênita
Arquivo/ Agência Brasil

O Ministério da Saúde (MS) lançou o Plano Nacional de Assistência à Criança com Cardiopatia Congênita, que vai garantir o atendimento de crianças com a doença pelo SUS.

A meta é realizar 3.400 procedimentos hospitalares a mais por ano, chegando a 12,6 mil em 2017. Com o aumento de 30% do atendimento, o SUS terá capacidade de atender todas as crianças com cardiopatia congênita que precisam de intervenção no seu primeiro ano de vida.

A cardiopatia congênita é a terceira maior causa de mortes de bebês antes de completar 30 dias e corresponde a cerca de 10% das causas dos óbitos infantis e de 20% a 40% dos óbitos decorrentes de malformações. Estima-se que nasçam cerca de 30 mil crianças cardiopatas todos os anos no Brasil.

Investimento

A meta inicial é ampliar em 30% o número de cirurgias realizadas na rede pública de saúde, com investimento de R$ 91,5 milhões ainda em 2017. O número representa crescimento de 75,2% do orçamento anual destinado às cirurgias cardíacas pediátricas, que estavam na ordem de R$ 52,2 milhões. O maior impacto para o incremento é o reajuste de 49 procedimentos da tabela SUS relacionados a esse atendimento, os de maior demanda.

Assine nossa Newsletter e receba as principais notícias do Portal N10 em seu Whatsapp totalmente grátis. Clique no ícone do WhatsApp para ser incluído (não se esqueça de salvar nosso número na sua lista de contato!). Fale conosco!

You Might Also Like

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.