Mundo

Sonda Mangalyaan envia suas primeiras imagens de Marte

Sonda-da-ìndia-em-Marte
Segundo a edição desta quinta-feira do diário indiano The Hindu, os responsáveis da ISRO consideraram as fotos “de boa qualidade”. Foto: Divulgação/ISRO/AFP

A Agência Espacial da Índia divulgou na última quinta-feira (2) a primeira foto tirada pela sonda espacial Mangalyaan. Essa foi a primeira foto da sonda a chegar à Terra e a paisagem surge um tanto quanto desfocada. Segundo a edição desta quinta-feira do diário indiano The Hindu, os responsáveis da ISRO consideraram as fotos “de boa qualidade”.

Segundo a edição desta quinta-feira do diário indiano The Hindu, os responsáveis da ISRO consideraram as fotos “de boa qualidade”. Foto: Divulgação/ISRO/AFP

Segundo a edição desta quinta-feira do diário indiano The Hindu, os responsáveis da ISRO consideraram as fotos “de boa qualidade”. Foto: Divulgação/ISRO/AFP

A sonda pesa menos de 1,5 toneladas e foi lançada no dia 5 de Novembro de 2013. A câmera da Mangalyaan foi o primeiro de cinco equipamentos a serem ligados poucas horas depois de entrar em órbita. Outros instrumentos entrarão em funcionamento nos próximos dias. A missão indiana a Marte custou em torno de R$ 200 milhões, uma das mais baratas do gênero, mais econômica até do que o filme Gravidade, de Hollywood, que teve orçamento estimado em R$ 250 milhões, como lembrou o Primeiro-Ministro da Índia Narendra Mod.

A Mangalyaan tem um tempo de vida previsto de seis meses, após o qual ficará sem combustível. Leva a bordo vários sensores destinados a medir a presença de metano na atmosfera, à procura de sinais da presença de vida primitiva no planeta vermelho.

Com esta missão, a Índia tornou-se o primeiro país asiático a chegar a Marte.

You Might Also Like

Deixe uma resposta

Your email address will not be published. Required fields are marked *

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.