itep-rn1
Foto: DIvulgação

O Diário Oficial do Estado desta quarta-feira (20) trouxe a publicação da Portaria 015/2016 que cria uma Comissão Especial designada para realização de concurso público para o ITEP. O SINPOL-RN indicou dois nomes para compor essa Comissão, atendendo uma solicitação da Secretaria da Administração.

“A Secretaria da Administração pediu dois nomes ao Sindicato para integrar a Comissão que vai elaborar o concurso. Então, foi avaliado pela Diretoria sobre aceitar ou não esse convite e ficou entendido que, como se trata de um concurso público e não contratação temporária, é importante a presença dos representantes da categoria para acompanhar de perto todo o processo”, explica Paulo César de Macedo, presidente do SINPOL-RN.

O concurso público para o ITEP será para a reposição de 40 vagas decorrentes de aposentadorias, falecimentos e exonerações de servidores.

O presidente do SINPOL-RN ressalta ainda a importância da presença dos representantes da categoria na Comissão, pois o concurso público precisa ser regido por todos os critérios de constitucionalidade. “Inclusive, esse concurso também vai precisar de uma lei para regulamentar os cargos e tal lei virá através do Estatuto”.

A Diretoria também deliberou sobre os nomes que iriam integrar essa comissão e chegou a decisão de indicar os nomes de Renata Pimenta e Fabrício Fernandes, que são, inclusive, pessoas que acompanham desde o início o Estatuto do ITEP e que conhecem bem as nuances e peculiaridades daquele órgão.

DO CONCURSO

Em novembro de 2015, o então Governador em exercício Ezequiel Ferreira de Souza assinou a autorização para abertura de concurso público visando o preenchimento de 40 vagas para os cargos de perito criminal, médico-legista, psiquiatra auxiliar e auxiliar de perícia no Instituto Técnico-Científico de Polícia (ITEP). São 9 vagas para perito criminal, 15 vagas para médico-legista, 3 vagas para psiquiatra e 13 para auxiliar de perícia.

O certame é respaldado pelo art.22, da Lei Complementar nº 191, que veda o provimento de cargo público, admissão ou contratação de pessoal, mas ressalva a reposição decorrente de aposentadoria ou falecimento de servidores das áreas de educação, saúde e segurança. A previsão para o lançamento do edital é para o primeiro semestre de 2016.

Assine nossa Newsletter e receba as principais notícias do Portal N10 em seu Whatsapp totalmente grátis. Clique no ícone do WhatsApp para ser incluído (não se esqueça de salvar nosso número na sua lista de contato!).

1 COMENTÁRIO

  1. O que faltou pensar é que, por se tratar de um Instituto de Perícias, cuja atividade fim é realizada por PERITOS CRIMINAIS, deveria ter pelo menos um PERITO CRIMINAL na Comissão, afinal será essa que deverá estabelecer o perfil necessário para o preenchimento das vagas.

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.