Destaques, RN

Rio Grande do Norte terá reforço de R$84,6 milhões para Saúde

Foto: Elisa Elsie

A partir de agora, a população do Rio Grande do Norte vai ser beneficiada com novos recursos para a saúde do estado. Mais de R$84 milhões de reais serão investidos na Atenção Primária e Hospitalar de 51 municípios. Com esse valor, a população vai conseguir agendar consultas de forma mais rápida. Além disso, essa verba será usada para a compra de equipamentos novos, mais leitos em hospitais, obras de construção, reforma e ampliação de espaços.

Os atos normativos foram assinados nesta sexta-feira (16) pelo ministro da Saúde, Luiz Henrique Mandetta, e pela governadora do Estado, Fátima Bezerra. O ministro destacou que os recursos devem ajudar a fortalecer os serviços e o atendimento à população, uma prioridade para o Governo Federal.

“O presidente Jair Bolsonaro me pediu pessoalmente. Vá ao Nordeste, vá lá no Rio Grande do Norte, leve os meus comprimentos, leve uma mensagem: esse país precisa ser reconstruído em todas as políticas. Essa da saúde é uma delas. Talvez a que mais chegue perto do cidadão, talvez aquela que mais apelo tenha no dia a dia das famílias”, destacou o ministro Luiz Henrique.

Fátima Bezerra agradeceu a presença do ministro em Natal e a liberação dos recursos e disse que este ano este é o primeiro aporte de recursos federais extras para o Governo do Estado e que o montante é muito importante, mas as necessidades são de R$ 220 milhões. “Recebemos com muita alegria o ministro e agradecemos pela atenção em liberar os recursos”, afirmou a Governadora para acrescentar que, diante das nossas necessidades este foi um passo importante. “O povo do Rio Grande do Norte me conferiu a função de governadora através do voto. E vou bater em todas as portas para cobrar ao Governo Federal o atendimento às nossas reivindicações”, reforçou.

HOSPITAL DA PM PASSA A INTEGRAR O SUS

Outra medida importante solicitada pelo Governo do Estado, e agora atendida pelo Ministério da Saúde, é a inclusão do Hospital Central da Polícia Militar Coronel Pedro Germano na rede SUS. O Hospital da Polícia Militar vai receber aporte de R$ 7,8 milhões por ano para atendimento a pacientes do SUS na urgência e emergência 24 horas.

Os recursos vêm suprir déficit orçamentário já existente e ajudará na qualificação da assistência à população potiguar. O déficit se dá por que o teto de repasse do Governo Federal tem valor inferior à produção dos hospitais no atendimento à população. O déficit orçamentário previsto para este ano é de R$ 200 milhões.

A governadora também agradeceu o apoio da bancada de deputados federais e senadores do RN que intercedeu junto ao Governo Federal em apoio à liberação dos recursos. “Buscamos apoios dos nossos parlamentares e conseguimos. Nos reunimos em Natal e em Brasília, o resultado é que, somando esforços, conseguimos esta liberação em favor da população de todo o Rio Grande do Norte”, registrou Fátima Bezerra.

Assine nossa Newsletter e receba as principais notícias em seu e-mail. O artigo continua após o formulário!

Mantemos seus dados privados e os compartilhamos apenas com terceiros que tornam esse serviço possível. Veja nossa Política de Privacidade para mais informações.

You Might Also Like

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.