Reajuste salarial tornará Concurso dos Correios ainda mais atrativo

Os Correios estão finalizando os ajustes para a publicação do edital de abertura de concurso público para preenchimento de vagas e formação de cadastro reserva para o cargo de agente de Correios, nas atividades de carteiro e operador de triagem e transbordo (OTT).

Serão cerca de 2 mil vagas com cadastro de reserva para vários Estados (AM, BA, MG, MS, MT, PE, PR, RJ, RS, SC, SP) e no DF. Desse total de vagas, 10% serão reservadas para pessoas com deficiência (PCD) e 20% para pessoas pretas e pardas (PPP). Estão previstos para os candidatos aprovados nas provas de conhecimento a realização do teste de esforço e, posteriormente, o exame médico admissional. Nos demais Estados, a empresa possui cadastro reserva do concurso de 2011, ainda vigente.

Sendo especulada como uma das grandes oportunidades previstas para 2015, o Concurso Correios deverá se tornar em breve ainda mais atraente. Isso porque está em negociação o reajuste da remuneração dos trabalhadores da empresa. Conforme divulgou a estatal, está na mesa de negociação uma proposta elaborada pelo vice-presidente do Tribunal Superior do Trabalho (TST), ministro Ives Granda, que consiste em um reajuste linear de R$200, o equivalente a 15% de aumento no salário inicial. Caso seja aprovada, os iniciais passarão a ser de pelo menos R$2.792,46 para carteiro e R$2.455,96 para operador de triagem e transbordo.

Os valores já incluem o vale-alimentação/refeição, Gratificação de Incentivo à Produção (GIP) e adicional de distribuição (apenas carteiro). Segundo a empresa, a proposta estava sendo votada em várias assembleias pelo país, na noite da última segunda-feira, dia 21 e será divulgada em breve.

Em entrevista recente, o presidente da estatal, Wagner Pinheiro, afirmou que, ao longo da validade do concurso, serão chamados mais aprovados que o previsto inicialmente. No último concurso, em 2011, a oferta inicial foi de 7 mil vagas para os cargos de nível médio, porém, foram feitas 20 mil contratações (mais de 40 mil foram convocados). A seleção será feita por meio de provas objetivas, com 50 questões sobre Língua Portuguesa, Matemática e Conhecimentos Gerais, novidade no concurso. Haverá ainda teste de esforço físico – que em 2011 foi composto pelos testes de barra fixa, corrida de 12 minutos e dinamometria (força muscular) – e exame médico admissional, para os convocados.

você pode gostar também

Deixe um comentário

error: Conteúdo protegido, entre em contato ([email protected]) para solicitar a matéria!