R$ 1 milhão serão tirados de cofres públicos para bancar encontro de governadores no Acre

R$ 1 milhão serão tirados de cofres públicos para bancar encontro de governadores no Acre

Aline Rodrigues outubro 24, 2017 AC

R$ 1 milhão. É esse o valor que vai custar aos cofres públicos para que o Fórum de Governadores da Amazônia Legal, em Rio Branco (AC) aconteça na próxima quinta-feira (26). A informação foi divulgada pelo Diário Oficial desta terça-feira (24). Na publicação também foi divulgado os serviços e o que serão gastos no dia do encontro, que acontece desde 2008.

Para o governo, o valor anunciado não se trata de um gasto, mas sim, de investimentos. Foi destacado também que esse valor é só uma estimativa do que será gasto, porém o “investimento” pode ser menor. O fórum tem como objetivo abordar temas que tomem medidas sustentáveis para o desenvolvimento de diversos estados. A exemplos de Acre, Amazonas, Amapá, Pará, Rondônia, Roraima, Tocantins, Maranhão e Mato Grosso.

O contrato de empresas, realizado por meio de um processo de licitação, é feito porque é necessário “para atender especificamente a 16ª edição do Fórum dos Governadores da Amazônia Legal, compreendendo o planejamento operacional, organização, execução e acompanhamento, conforme condições, especificações e exigências estabelecidas em edital e no termo de referência”, destaca a publicação.

Os gastos serão com; profissionais que deverão trabalhar no dia para atender aos governadores e outras pessoas que estarão presentes, toalhas, pufs e até arranjos. Só de fones para a tradução simultânea móvel, serão gastos R$ 30 mil. “Normalmente ambientes com muito ruído dificultam a captação. Este produto, junto com o receptor, facilita a comunicação e tradução simultânea. Portanto, tanto o tradutor quanto os participantes, não precisam fazer tanto esforço na voz e audição para se comunicarem”, diz a publicação.

Além disso, a locação de 20 caminhonetes totalizou R$ 72 mil. O valor do espaço para a solenidade são de R$ 149.997,89. O documento é assinado por Flora Valladares Coelho, pela Secretaria de Estado da Casa Civil e representantes de duas empresas que devem oferecer os serviços.

É possível ter acesso a mais detalhes acessando a partir da página 2 da publicação.

Quer receber as principais notícias do Portal N10 no seu WhatsApp? Clique aqui e entre no nosso grupo oficial.

Outros artigos

5 tendências de marketing digital para 2022

setembro 17, 2021

5 tendências de marketing digital para 2022

O marketing digital é um mercado extremamente dinâmico e que muda constantemente. Sendo assim, os próximos anos serão muito interessantes para profissionais e empre...