PSL decide expulsar deputado bolsonarista que atacou o STF

PSL decide expulsar deputado bolsonarista que atacou o STF

PSL decide expulsar deputado bolsonarista que atacou o STF

Rafael Nicácio março 19, 2021 Destaques

A direção nacional do Partido Social Liberal (PSL) decidiu que irá expulsar Daniel Silveira da sigla, após ele ter publicado vídeo com ataques ao STF, que levou à sua prisão na noite de ontem (16/02).

A Executiva do partido entendeu que o parlamentar ofendeu de “maneira vil” a honra dos ministros do Supremo Tribunal Federal e repudia com veemência os ataques disparados por Silveira no vídeo. Foram 20 minutos de pesadas críticas a ministros do tribunal, com xingamentos, ameaças físicas e até citação do AI-5.

“Os ataques, especialmente da maneira como foram feitos, são inaceitáveis. Esta atitude não pode e jamais será confundida com liberdade de expressão, uma conquista tão duramente obtida pelos brasileiros e que deve estar no cerne de todo o debate nacional”, diz nota divulgada pelo PSL.

A Executiva, ao final, diz que tomará todas medidas para o “afastamento definitivo do deputado dos quadros partidários”. A sua expulsão.

STF reforça segurança para julgamento

O ministro do STF Luiz Fux, arcou para a tarde desta quarta-feira (17) a análise da prisão do deputado Daniel Silveira.

Diante dos ataques de bolsonaristas nas redes sociais, a equipe de segurança do STF monitora as movimentações no entorno do prédio e, de acordo com o blog Radar da Veja, houve até reforço de efetivo.

Outros artigos