Progesterona: como influencia a menopausa

progesterona é o hormônio feminino responsável por regular o organismo para a gestação, esta é produzida pelos ovários e é liberada durante o ciclo menstrual preparando o útero para receber um ovulo fecundado; durante a gravidez, a progesterona desempenha um papel importante na estabilidade do embrião dentro do organismo da mãe, nesta fase, a placenta também pode produzir progesterona.

Quando o ovulo é fecundado e não ocorre a gravidez, a progesterona é a encarregada de regular o endométrio,também é a responsável pelo crescimento dos seios durante a puberdade e durante a gravidez.

Esse importante hormônio deixa de ocorrer durante a menopausa, devido que os ovários começam um processo degenerativo, deixando de produzir óvulos; a falta de progesterona e de estrogênio é a responsável pelos incômodos sintomas da menopausa, entre os quais encontramos:

– Irregularidade nos ciclos menstruais, até o seu desaparecimento definitivo.
– Sofocamiento por aumento da temperatura corporal ou episódios de calor intenso.
– Transpiração excessiva.
– Irregularidade no sono.
– Aumento dos batimentos cardíacos, taquicardia.
– Mudanças de estados emocionais.
– Ressecamento da pele e muco vaginal.
– Diminuição do desejo sexual.

A diminuição de progesterona no organismo provoca os indesejáveis sintomas da menopausa

Estes sintomas variam de mulher para mulher em intensidade e duração, o que faz com que este processo seja mais incômodo para algumas mulheres do que para outras. A menopausa pode durar entre 3 e 10 anos, desde que se apresentam os primeiros sintomas e mudanças corporais, até que cessa a menstruação e os episódios de calor, principalmente.

Por ser um processo natural e não há forma de prevenção da menopausa, nem os seus sintomas, no entanto, a falta de estrogênio e progesterona,pode resultar em outros problemas de saúde como a osteoporose ou níveis irregulares do colesterol que juntamente com os incômodos sintomas que produz, é necessário fornecer tratamento durante e após a menopausa especialmente para melhorar a qualidade de vida para a mulher que passa por esta fase.

Fonte: www.fmecanoas2014.com.br

você pode gostar também

Deixe um comentário

error: Conteúdo protegido, entre em contato ([email protected]) para solicitar a matéria!