Professores de Natal aprovam indicativo de greve

Professores de Natal aprovam indicativo de greve

Professores de Natal aprovam indicativo de greve

Categoria quer ser totalmente imunizada com a 2ª dose da vacina e pede a atualização do Piso Salarial 2020 por parte do município

Rafael Nicácio julho 7, 2021 Destaques

Os professores de Natal aprovaram o indicativo da greve que deverá ser deflagrada a partir de 14 de julho. A deliberação foi tirada em Assembleia virtual realizada nesta terça-feira (06). O encontro conduzido pela direção do Sindicato dos Trabalhadores da Educação Pública do Estado (SINTE/RN) contou com cerca de 500 profissionais da Rede Municipal.

A categoria luta para ser totalmente imunizada com a 2ª dose da vacina contra a Covid-19 e pela volta da negociação do Piso Salarial 2020 por parte do município. O pagamento da Carga Suplementar e a estruturação das escolas para a futura volta presencial fecham a pauta.

Uma nova Assembleia virtual foi agendada para sexta-feira, 09 de julho, às 9h30. Agora, a entidade vai encaminhar um ofício para a Prefeitura e Secretaria Municipal de Educação (SME) informando a decisão dos educadores. O movimento grevista poderá ser iniciado durante uma outra Assembleia marcada para 14 de julho, quarta-feira, também a partir das 9h30.

O SINTE/RN recomenda que durante os próximos dias cada educador converse com estudantes e pais através das plataformas e “explique os motivos pelos quais decidiu acionar o último recurso que o trabalhador tem quando o patrão decide não negociar“.

Para a coordenadora geral do SINTE/RN, professora Fátima Cardoso, a categoria ‘está sendo obrigada’ a entrar em greve e já definiu um culpado: “Se não houver negociação, a greve será culpa do Prefeito”, afirma.

Quer receber as principais notícias do Portal N10 no seu WhatsApp? Clique aqui e entre no nosso grupo oficial. Para receber no Telegram, clique aqui

Outros artigos