Polícia Civil prende suspeito de ter “matado cadela a tiros” em Monte Alegre (RN)

Polícia Civil prende suspeito de ter “matado cadela a tiros” em Monte Alegre (RN)

junho 16, 2018 1 Por Rafael Nicácio

Policiais civis da Deprema (Delegacia Especializada em Proteção ao Meio Ambiente) em conjunto com Delegacia Especializa de Assistência ao Turista (Deatur) prenderam Erivan Cecílos de Góes, na tarde desta sexta-feira (15), suspeito de ter matado uma cadela a tiros de espingarda, no bairro de Lagoa do Mato, em Monte Alegre.

Após o recebimento de uma denúncia anônima do crime realizado na noite anterior (14), imediatamente as equipes de policiais civis realizaram diligências e localizaram o autor do crime ambiental no município – que fica a 39 km de distância da capital do Rio Grande Norte. Na abordagem, foi apreendida uma arma de fogo utilizada na prática do crime e munições, todas de calibre permitido.

O suspeito foi encaminhado ao sistema prisional, onde ficará à disposição da Justiça.

Matar cachorro é crime?

Matar cachorro – ou qualquer outro animal – é crime, sim. Não importa se o animal é doméstico, silvestre, nativo ou exótico. O que trata disso é o artigo 32 da Lei dos Crimes Ambientais, de 1998. A lei prevê detenção de três meses a um ano, além de multa, para quem “praticar ato de abuso, maus-tratos, ferir ou mutilar” qualquer tipo de animal. Se houver a morte do bichinho, a pena aumenta até um terço.

Esta notícia foi interessante para você? Compartilhe com seus amigos!