planeta_terra_com_o_sol
Nasa

Desde 2013, o Dr. Milton Wainwright vem tentando convencer a comunidade científica de que ele encontrou aliens na estratosfera da Terra. Agora, o controverso professor britânico afirma ter novas evidências desses “organismos extra-terrestres” flutuando 40 quilômetros acima do planeta.

Ele disse que os organismos tiveram o teste para o DNA positivo, e têm massas que são “seis vezes maior do que o limite de tamanho de uma partícula que pode ser elevada a partir da Terra a esta altura”. Os organismos, segundo ele, estão contidos em um globo de metal microscópico desenhado por uma espécie inteligente para enviar a “semente” de vida alienígena para a Terra.

Dr Wainwright anunciou a descoberta em um e-mail para seus alunos da Universidade de Sheffield, através de uma publicação no Reddit“Enviamos balões e um sampler e não encontramos pólen ou grama, nada lá em cima para contaminar, é completamente intocável”, disse Dr Wainwright ao site MotherBoard. “Por esses motivos, pensamos que [os organismos] estão vindo do espaço”, acrescentou. “Todo o tempo quando você anda fora, você está sendo atingido por organismos que vêm do espaço”. Ele disse que suas últimas descobertas foi aceita na revista Astrobiology and Outreach.

Na foto, a chamada "partícula fantasma" que o pesquisador afirma ser a prova de formas de vida extraterrestre
Na foto, a chamada “partícula fantasma” que o pesquisador afirma ser a prova de formas de vida extraterrestre

A pesquisa do Dr. Wainwright tem sido amplamente criticada pela comunidade científica como sendo apoiado por evidências pobres e frágeis. “Os críticos afirmam que as amostras que obtivemos deve ter vindo da Terra, se é que possa haver um mecanismo que possa levar estas partículas da Terra até a estratosfera”, disse Dr Wainwright ao Daily Mail.  “No entanto, temos provas de que as massas contém DNA, além de outros organismos estranhos isolados que não estão associados com o pólen, grama e esporos de fungos em nosso amostrador.

“Se os nossos organismos vieram da Terra devem ser contaminados com organismos terrestres comum e eles não são. Nós provavelmente seremos desacreditados até a Nasa repetir os nossos resultados”, acrescentou. “Eu suspeito que Nasa vai tentar tomar o crédito, alegando que os seus métodos foram de alguma maneira mais estéril ou precisa.”

Assine nossa Newsletter e receba as principais notícias do Portal N10 em seu Whatsapp totalmente grátis. Clique no ícone do WhatsApp para ser incluído (não se esqueça de salvar nosso número na sua lista de contato!).

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.