Pediatras denunciam superlotação e falta de condições de trabalho no Hospital Municipal de Natal

O fechamento do Hospital Sandra Celeste agravou o quadro já caótico da pediatria no Estado

Médicos pediatras do Hospital Municipal de Natal denunciaram ao Sindicato dos Médicos do RN (Sinmed) as condições de atendimento às crianças que procuram a unidade de saúde e o desmonte da rede de atendimento no município.

De acordo com os profissionais, não está definido um parâmetro de atendimento no Hospital e o acolhimento aos pacientes referenciados verde ou azul (casos menos graves) superlotam a unidade, que possui apenas nove leitos. Com isto, os pacientes graves acabam tendo demora no acompanhamento dos casos.

Estes nove leitos são para atender todos os casos. Crianças com coqueluche, tuberculose, escabiose e tantas outras doenças ficam juntas em uma mesma sala, em um corredor onde também circulam pacientes adultos e, inclusive, psiquiátricos.

Para Nivaldo Júnior, plantonista do hospital, a situação só piora a cada dia. O fechamento do Hospital Sandra Celeste agravou o quadro já caótico da pediatria no Estado. “Foram fechados também 15 leitos do Hospital Varela Santiago, que dava cobertura ao Hospital Municipal”, afirma.

Os médicos chegam a fazer 200 atendimento por plantão, sem a cobertura de ultrassonografia no hospital, espera de mais de 04 horas para resultado de exames e sem ambulância para transferência de paciente após às 19h. “Não tem motorista a noite no hospital. Já aconteceu de conseguir vaga em UTI para a criança, mas não ter como fazer o transporte e o pai é quem teve que arcar com o custo do táxi. Tem mãe que fica o dia inteiro no hospital esperando resultado de um hemograma. É apenas um laboratório para tudo”, denuncia uma médica residente.

Geraldo Ferreira, presidente do Sinmed RN, afirma que um conjunto de medidas será tomado para que as crianças passem a ter a assistência digna e os médicos melhores condições de trabalho. As entidades médicas, Promotoria de Saúde e a comissão de saúde da Câmara dos Vereadores de Natal serão acionadas para discutir o problema e o Sinmed RN irá realizar visita ao Hospital Municipal de Natal ainda na próxima semana.

você pode gostar também

Deixe um comentário

error: Conteúdo protegido, entre em contato ([email protected]) para solicitar a matéria!