Destaques, Universo

Os 7 fenômenos espaciais previstos para 2018

Faltando poucos dias para acabar o ano de 2017, é hora de pensar sobre o que nos aguarda no próximo ano. Se você é fascinado por coisas do universo, nada melhor do que tomar conhecimento dos 7 eventos astronômicos que veremos em 2018. Doze meses que serão marcados por fascinantes e emocionantes eventos espaciais que nos farão manter os olhos no céu.

O que acontece além da Terra continua a revelar mistérios não resolvidos. Enquanto nossa vida é marcada pela rotina, tarefas e obrigações a cumprir, acontecimentos astronômicos de todos os tipos estão ocorrendo logo acima de nós. Se você é curioso e tem desejado ver mais coisas do tipo da Super Lua ou de um eclipse solar, é bom ficar de olho nos eventos astronômicos que nos aguardam.

1. Eclipses solares

Os próximos doze meses serão marcados por um dos fenômenos mais marcantes e bonitos para se ver da Terra. Em 2018, haverá três eclipses solares parciais e dois eclipses lunares, que podem ser vistos em diferentes partes do mundo.

eclipse solar

Foto: Zbreeze / Pixabay

31 de janeiro: eclipse lunar total visível da Austrália, América do Norte, Ásia Oriental e Oceano Pacífico.
15 de fevereiro: eclipse solar parcial visível de parte da Antártida, Chile e Argentina
13 de julho: eclipse solar parcial visível da Antártica e do sul da Austrália
27 de julho: o eclipse lunar total é visível da maioria da Europa, África, Ásia ocidental e central e Austrália Ocidental.
11 de agosto: eclipse solar parcial visível no Nordeste do Canadá, na Gronelândia, no norte da Europa e no Nordeste da Ásia.

2. Chuva de meteoro

Foto: NASA

Outro dos eventos astronômicos mais esperados é a chuva de meteoros. Em 2018, poderemos apreciá-los novamente. O primeiro grande evento acontecerá nos dias 12 e 13 de agosto, onde haverá até 60 meteoros por hora; A segunda ocorrerá entre 13 e 14 de dezembro com até 120 meteoros por hora. Lembre-se que durante o resto dos meses também haverá mais chuvas de meteoros, mas de menor importância.

3. Buraco negro

Buraco negro

Foto: Moritz 320 / Pixabay

Em abril deste ano, aprendemos sobre o trabalho realizado pelo projeto Event Horizon Telescope para fotografar um buraco negro pela primeira vez. Será em 2018 quando veremos as primeiras imagens de Sagittarius A*, o buraco negro supermassivo localizado no centro da nossa Via Láctea.

Até agora, o melhor que vimos é o instantâneo tirado pelo Observatório Europeu do Sul entre 2006 e 2013, onde uma nuvem de poeira pode ser vista movendo vários pontos.

4. Novas missões para a Lua em 2018

Lua

Foto: Yklimphoto / Pixabay

Será que uma pessoa chegará à Lua em 2018? Esta possibilidade não é descartada. E menos ainda se levarmos em consideração os planos de certos países e empresas para pisar no solo lunar novamente. Por exemplo, a Índia vai colocar um explorador na lua no próximo ano, pela primeira vez na história de seu país. A China realizará duas missões: Chang’e 4 e Chang’e 5.

A SpaceX continua com seus planos de fazer uma viagem lunar com dois turistas a bordo. Um projeto similar no qual os Estados Unidos também poderiam estar atuando. Por sua parte, o Google e o Lunar XPrize pretendem colocar um robô na Lua.

5. Asteroides

Asteróide

Foto: UKT2 / Pixabay

2018 é colocado como o ano em que serão feitos progressos em relação aos asteroides. No mês de junho, JAXA Hayabusa 2, lançado em 2014, irá encontrar o asteroide Ryugu, perto da Terra. E em agosto, OSIRIS – REx da NASA se reunirá com Bennu.

6. “Fogos de artifício estelar”

fogos de artifício estelar

As previsões dos cientistas indicam que ao longo dos próximos meses iremos assistir a uma explosão de fogos de artifício de alta energia, um evento astronômico raro. Isso ocorrerá quando um pulsar (um remanescente estelar do tamanho de uma cidade, 20 quilômetros de diâmetro e pesando quase o dobro do tamanho do Sol) coincide na órbita de uma estrela gigante em nossa Via Láctea, conhecida como MT91 213 , com uma massa 15 vezes maior que a do Sol e que brilha 10.000 vezes mais. Sem dúvida, será um dos eventos mais aguardados de 2018.

7. Sonda de mercúrio

Planeta mercúrio

Foto: Skeeze / Pixabay

Finalmente, a ESA e a JAXA lançarão a missão BepiColombo para investigar Mercúrio, o planeta mais próximo do Sol em nosso Sistema Solar. Claro, os primeiros resultados podem chegar só depois até 2025.

Esta pesquisa vem após a missão Cassini deste ano, que nos permitiu estudar Júpiter e as sondas planetárias, desconhecidas até então.

E então, ansiosos para acompanhar esses grandiosos eventos? Certamente, nos próximos 12 meses estarão sendo produzidas novas descobertas e novidades no espaço.

Assine nossa Newsletter e receba as principais notícias do Portal N10 em seu Whatsapp totalmente grátis. Clique no ícone do WhatsApp para ser incluído (não se esqueça de salvar nosso número na sua lista de contato!). Fale conosco!

You Might Also Like

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.