Operação Carnaval: fiscalização encerra aglomerações e apreende paredões de som em Natal
Foto: Divulgação / Prefeitura do Natal

Operação Carnaval: fiscalização encerra aglomerações e apreende paredões de som em Natal

fevereiro 15, 2021 0 Por Romário Nicácio

O fim de semana foi movimentado para os agentes da força tarefa entre a Prefeitura e Governo do Estado para combater as aglomerações na cidade no período carnavalesco. O trabalho no sábado (13) e domingo (14) resultou no encerramento de diversas aglomerações pelas ruas e na apreensão de seis paredões de som, equipamentos proibidos por lei em Natal. O patrulhamento, que também percorre as praias da cidade, segue até a quarta-feira de cinzas.

No domingo (14) uma aglomeração que ocorria no canteiro central da Avenida Pedro Álvares Cabral, no Parque dos Coqueiros, na zona Norte foi encerrada pelos agentes. “O evento acontecia com uso de equipamentos sonoros, mesas, cadeiras e nenhum respeito ao distanciamento social”, relata o supervisor de fiscalização da secretaria de Meio Ambiente e Urbanismo (Semurb), Evânio Mafra.  “Os equipamentos sonoros foram apreendidos e foi dada a ordem para desocupar o canteiro sob pena da apreensão das mesas e cadeiras”, acrescenta. 

Ainda no domingo, as equipes também apreenderam um paredão de som na zona Norte na Rua Conselheiro Tristão com a Avenida Moema Tinoco, no bairro do Pajuçara. “Os agentes constataram um som automotivo acionado em logradouro público. Após ato de resistência à abordagem policial, o infrator foi conduzido a Delegacia de Plantão da Zona Norte, onde teve o equipamento apreendido pelos fiscais do municípios”, acrescenta Mafra.

O patrulhamento ostensivo também percorreu as praias e dispersou pessoas que não respeitavam o distanciamento social em eventos na Praia da Redinha e também no deck de Ponta Negra, onde um estabelecimento foi notificado.  E ainda apreendeu mais dois paredões em Brasília Teimosa e Mãe Luiza. Esse último, segundo informações coletadas no local, seria utilizado na realização de um show no início da noite.

Nas rondas realizadas no sábado (13) foram apreendidos três equipamentos de som nos bairros de Brasília Teimosa e Nossa Senhora de Nazaré.  Já a maior aglomeração foi registrada  no bairro de Santos Reis, em Brasília Teimosa, onde onde estaria ocorrendo um Carnaval de rua com uma grande quantidade de pessoas na Rua da Liberdade, o que foi constatado. 

“Um equipamento de som do tipo paredão, rebocado, porém desligado, foi encontrado nas proximidades e como estava sem a capa acústica, fizemos a apreensão. As equipes de segurança dispersaram a multidão”, conta o supervisor de fiscalização da Semurb de plantão, Felipe Oliveira.

Já no bairro do Potengi, um estabelecimento que estava prestes a realizar um evento com música ao vivo e cuja banda estava instalada na calçada foi autuada por ausência de licença de uso do espaço público. E por fim dois bares situados na comunidade da África encontravam-se realizando eventos com caixas de som amplificadas em alto volume e indícios de que haveria grupos musicais estavam sendo aguardados. “Uma grande multidão encontrava-se aglomerada nas mesas e cadeiras dispostas em área pública pelos dois bares. As forças de segurança realizaram a dispersão do público e os dois bares foram autuados”, finaliza Oliveira.

As fiscalizações seguem hoje durante todo o dia e noite. Qualquer ocorrência visualizada pela população pode ser informada diretamente ao Centro Integrado de Operações em Segurança Pública (Ciosp) pelo número 190. A operação integrada conta com a participação de efetivo das secretarias de Serviços Urbanos (Semsur), Mobilidade Urbana (STTU), Saúde (SMS) por meio da Vigilância Sanitária,  Urbana, PROCON e Defesa Social (Semdes) com sua Guarda Municipal, além da Polícia Militar do Estado.

Esta notícia foi interessante para você? Compartilhe com seus amigos!