Mundo

Obama liga para Dilma para falar sobre mudanças climáticas

(ANSA) – O presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, telefonou nesta segunda-feira (08) para Dilma Rousseff para alinhar estratégias a serem utilizadas durante as reuniões da 21ª Conferência do Clima das Nações Unidas (COP21).

Segundo a Casa Branca, os dois líderes confirmaram o empenho em fechar um “acordo ambicioso” sobre as mudanças climáticas e o interesse dos países em trabalhar unidos. Obama e Dilma ainda afirmaram que manterão contato até o fim dos trabalhos em Paris, no dia 11 de dezembro, para pressionar por um documento completo sobre o tema.

O mandatário norte-americano tem afirmado que esse é o momento para tomar uma ação definitiva para evitar problemas causados pelas mudanças extremas no clima ao redor do mundo. Além do telefonema, a segunda-feira foi marcada pela criação de uma coalizão internacional para tentar esse “acordo ambicioso” sobre o clima.

Liderado pelo ex-vice-presidente dos EUA Al Gore e pela ex-presidente da Irlanda Mary Robinson, o grupo conta com representantes, além dos EUA e do Brasil, de diversos países europeus, latino americanos e asiáticos.

Quer receber as principais notícias do Portal N10 no seu WhatsApp? Clique aqui e entre no nosso grupo oficial. Para receber no Telegram, clique aqui

Siga o Portal N10 no Google News para acompanhar nossas notícias. Clique na imagem abaixo!

Romário Nicácio

Administrador de Redes. Co-fundador do Portal N10 e do N10 Entretenimento. Redator de sites desde 2009, passando pelo Notícias da TV Brasileira (NTB), Blog Psafe e vários outros de temas variados. E-mail: romario@oportaln10.com.br

Artigos relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Botão Voltar ao topo

Adblock detectado

Olá pessoal! O acesso ao nosso site é gratuito, porém precisamos da publicidade aqui presente para mantermos o projeto online. Por gentileza, considere desativar o adblock ou adicionar nosso site em sua white-list e recarregue a página.