Mundo

Novo ataque dos EUA mata um dos líderes do Estado Islâmico

ataque-aereo

(ANSA) – Um dos líderes do Estado Islâmico (EI, ex-Isis), Abu Sayyaf, foi morto por uma ação militar dos Estados Unidos neste sábado (16), confirmou o chefe do Pentágono, Ash Carter. Sayyaf era o responsável por negociar a venda de petróleo que financia o grupo jihadista.

Segundo a agência, o ataque foi realizado na Síria e foi autorizado, diretamente, pelo presidente norte-americano, Barack Obama. Ainda de acordo com o Pentágono, a ação seguiu a legislação internacional sendo autorizada por ambos os governos.

Os militares mataram uma dezena de jihadistas e capturaram a esposa de Sayyaf, que foi transferida para o Iraque para ser interrogada. Durante a operação, uma mulher yazidi também foi libertada após viver por meses como escrava do casal. Essa é a segunda morte de um dos maiores líderes do EI. Na última quarta-feira (13), a coalizão matou o “número 2” dos extremistas, Abdul Rahman Mustafa Mohammed – conhecido como Abu Alaa al-Afri – em um ataque aéreo.

Assine nossa Newsletter e receba as principais notícias do Portal N10 em seu Whatsapp totalmente grátis. Clique no ícone do WhatsApp para ser incluído (não se esqueça de salvar nosso número na sua lista de contato!). Fale conosco!

You Might Also Like

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.