Novas imagens da Nasa revelam dois buracos coronais gigantes no sol

Novas imagens da Nasa revelam dois buracos coronais gigantes no sol

Novas imagens da Nasa revelam dois buracos coronais gigantes no sol

Romário Nicácio março 17, 2015 Universo

A Nasa detectou dois enormes “buracos” na superfície solar. O maior buraco coronal dos dois, perto do pólo sul, abrange uma estimativa entre 6% e 8% da superfície solar total, tornando-se um dos maiores buracos polares que os cientistas têm observado em décadas. O buraco coronal menor, situado no pólo norte, é longo e estreito, cobrindo apenas cerca de 0,16% da superfície solar.

buraco coronal

“Buracos coronais são regiões de densidade e temperatura mais baixas da atmosfera exterior do Sol, conhecida como a corona”, explicou a Nasa. “Buracos coronais podem ser uma fonte de rápido vento solar de partículas solares que envolvem a Terra”. O campo magnético nestas regiões se estende muito para o espaço, em vez de voltar rapidamente para a superfície do sol.

É a segunda vez Nasa detectou um enorme buraco no sol. O sol começou 2015 com um evento misterioso – um enorme buraco apareceu. Conhecido como um buraco coronal, o fenômeno ocorreu perto do pólo sul – e é visto como uma área escura que cobriu toda a sua base. Buracos coronais foram vistos pela primeira vez em imagens tiradas por astronautas na estação espacial Skylab a bordo da NASA em 1973 e 1974.

Outros artigos

Como ganhar dinheiro com Instagram em 2021

julho 29, 2021

Como ganhar dinheiro com Instagram em 2021

Devido à pandemia do covid-19, muitas empresas tiveram que fechar suas portas por conta da quarentena. Com isso, vender pelo Instagram tornou-se muito importante, p...