escola-jean-perrin
Foto: Google Maps

(ANSA) – Um professor francês foi esfaqueado na manhã desta segunda-feira (14), em Aubervilliers, na periferia nordeste de Paris, por um homem que se proclamava seguidor do grupo extremista Estado Islâmico (EI, ex-Isis).

Vestindo uma máscara, o agressor conseguiu fugir, enquanto o professor, que trabalha em uma escola infantil, precisou ser hospitalizado. O docente foi atingido primeiro com uma faca, depois com um estilete. Apesar de seus ferimentos graves, o professor não corre risco de morte. O episódio ocorreu na escola pública “Jean Perrin”, em Aubervilliers, em Seine-Saint-Denis, por volta das 7h10 locais.

As investigações do caso estão a cargo da Seção Antiterrorista (SAT) da Polícia Criminal Judiciária Parisiense. Há um mês, a capital francesa foi palco de um dos ataques mais sangrentos de sua história cometidos pelo Estado Islâmico em vários pontos da cidade e os quais provocaram a morte de 130 pessoas. Depois dos atentados, a segurança nas escolas de toda a França foi reforçada.

O EI vê o país como um dos seus principais alvos já que a França integra a coalizão internacional que bombardeia alvos jihadistas na Síria e no Iraque.

Assine nossa Newsletter e receba as principais notícias do Portal N10 em seu Whatsapp totalmente grátis. Clique no ícone do WhatsApp para ser incluído (não se esqueça de salvar nosso número na sua lista de contato!).

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.