Mossoró registra cinco homicídios em apenas 24 horas

abril 26, 2020 0 Por Rafael Nicácio
Mossoró registra cinco homicídios em apenas 24 horas

Entre a manhã do sábado, 25, e o início deste domingo, dia 26 de abril, a cidade de Mossoró registrou cinco homicídios provocados por arma de fogo. Com isso, o número de mortes violentas na segunda maior cidade do Rio Grande do Norte disparou nas últimas 24 horas e chegou a 62.

O primeiro deles aconteceu no Conjunto Cidade do Oeste. O comerciante Alex Sandro Azevedo de Morais foi executado a tiros. O crime ocorreu por volta das 19 horas em sua mercearia, localizada na Avenida Mossoró. Segundo informações, o homem de 48 anos estava sozinho no seu estabelecimento, quando dois indivíduos chegaram ao local. A dupla se passou por cliente e logo após assassinaram a vítima. De acordo com a perícia criminal, Alex Sandro foi atingido com aproximadamente 11 tiros de pistola calibre 380. A vítima não teve qualquer chance de defesa e morreu na hora. Os criminosos após executarem o comerciante, saíram efetuando disparos para o alto. Este foi o homicídio de número 59 na cidade.

Já a 60ª morte violenta no Município aconteceu nas primeiras horas desta madrugada. Por volta de 01h30, Jucileudo da Silva Costa, de 32 anos, foi morto na Rua Chico Teófilo no Ouro Negro, região do Bairro Aeroporto. Ele era natural de Aracati, no estado do Ceará, e sofreu cerca de seis tiros. A esposa da vítima relatou aos PM’s que atenderam a ocorrência, que o homem teria saído de casa para comprar lanches. Em seu retorno para residência foi surpreendido pelo atirador. Jucileudo ainda tentou correr, mas foi alcançado e morto.

A Polícia Civil encontrou a residência do casal revirada e com marcas de sangue. Além disso, foram encontradas, drogas, balança de precisão e dinheiro fracionado. A esposa da vítima foi presa e conduzida à delegacia onde deverá ser autuada em flagrante por tráfico de drogas. O delegado informou que a mulher pode está envolvida na morte do marido. De acordo com a autoridade policial tudo começou dentro da casa e que o assassino possivelmente estaria na residência com a vítima.

O 61º homicídio do ano na cidade ocorreu por volta das 05h, próximo ao Canal do Loteamento Santa Helena, região do bairro Santo Antônio. Um homem ainda não identificado foi morto com tiros de escopeta calibre 12 na cabeça. A vítima apresentava esfacelamento de crânio devido os disparos.

Pouco tempo depois Paulo Ricardo Bezerra Dantas foi perseguido e morto a tiros dentro de um matagal no Parque das Rosas, no Conjunto Santa Delmira. O homem de 25 anos morava na Rua Dalila Dantas Jales, no Redenção. Segundo informações, o jovem trafegava em uma motocicleta e foi surpreendido pelos atiradores. Ele abandonou a moto e tentou fugir, mas foi alcançado e morto. Este foi o 62º homicídio.

Vale lembrar que o primeiro destes cinco crimes no período de 24 horas aconteceu na manhã do último sábado. O ex-presidiário Antônio Anchieta Oliveira dos Santos, 57 anos, foi encontrado morto em uma estrada carroçável de acesso ao projeto de Assentamento “Nova Esperança”, às margens da RN 015 na zona rural de Mossoró.

Ele estava amordaçado com fita em volta da boca, com as mãos amarradas para trás e com o corpo parcialmente carbonizado.

Com informações do Fim da Linha, O Câmera e Jornal Defato.