Natal

Lixo e ligações clandestinas causam problemas em temporadas chuvosas

Falta de civilidade, ligações clandestinas de esgoto e despejo irregular de lixo. Na última semana, essas três combinações, aliadas a uma chuva de mais de 100 mm, causaram diversos problemas na cidade e colocaram a Prefeitura do Natal em alerta máximo. 

De acordo com o titular da Secretaria Municipal de Obras Públicas e Infraestrutura (Semov), Tomaz Neto, a abertura de uma cratera em uma rua do bairro de Gramoré, na zona Norte, e o entupimento do canal Baldo, na região Leste, são o retrato deste problema: a falta de educação de moradores. “É o mesmo fio condutor. A falta de educação e o não respeito pelos equipamentos públicos. No canal do Baldo, a quantidade de lixo que os técnicos da Semov observaram é de assustar. De troncos de árvores, passando por lixo doméstico e até três sofás, encontramos de tudo. O resultado, junto com a força das águas, não poderia ser outro”, explicou Tomaz Neto.

No Gramoré e na Av. José Luís da Silva, também na zona Norte, o problema é a ligação clandestina de esgoto. “É um verdadeiro caos. Alguns moradores ligam seu esgotos diretamente na nossa rede de drenagem. A presença desse esgoto corrói as ligações da tubulação, consequentemente, abre vazios. Com isso, o sedimento foge para dentro da tubulação, promovendo as erosões e a abertura das crateras. Também tivemos o mesmo problema em algumas de nossas lagoas de captação”, enfatizou o secretário de Obras.

Bem público 

Tomaz Neto explicou que a Semov está de prontidão para atender a toda a população, mas que muitos dos problemas poderiam ser evitados com mais respeito aos equipamentos públicos. “Se todos tivéssemos o mínimo de respeito pelo bem público, muito do que ocorreu na semana passada poderia ter sido evitado. A Prefeitura não precisaria alocar novos recursos para recompor esses equipamentos quebrados e poderia usar os valores em outros pontos da cidade. Infelizmente, por falta de educação, temos que reprogramar ações”, informou o secretário Tomaz Neto.

Para reclamações e pedidos de visita a ruas, o setor de Conservação da Semov disponibiliza o fone: 3232-8118.

Assine nossa Newsletter e receba as principais notícias do Portal N10 em seu Whatsapp totalmente grátis. Clique no ícone do WhatsApp para ser incluído (não se esqueça de salvar nosso número na sua lista de contato!). Fale conosco!

You Might Also Like

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.