Destaques, Natal

Justiça determina que 40% dos ônibus circulem em Natal nesta sexta-feira (14)

ônibus intermunicipal rn linha nova tarifa

Após tomar conhecimento de que o Sindicato dos Trabalhadores em Transportes Rodoviários do Rio Grande do Norte (Sintro) havia anunciado que a categoria iria aderir à greve geral, prevista para acontecer nesta sexta-feira, dia 14 de junho, contra a reforma da previdência, a Justiça potiguar determinou que 40% da frota de ônibus de Natal circulasse durante a paralisação.

Também em virtude da manifestação, a Polícia Rodoviária Federal (PRF) informou que a pista principal da BR-101, no sentido Natal/Parnamirim, será interditada das 17h às 20h, no trecho entre o Complexo do IV Centenário e a Árvore de Mirassol.

A decisão, assinada pela desembargadora Maria do Perpétuo Socorro Wanderley de Castro, do TRT-RN, aponta que “deve ser assegurada a prestação, durante o movimento paredista, dos serviços indispensáveis ao atendimento das necessidades inadiáveis da comunidade, nos quais se inclui o transporte coletivo”. Caso a medida não seja atendida, existe uma multa estipulada em R$ 30 mil ao Sindicato.

A desembargadora reforça ainda que caso a paralisação atingisse à “totalidade dos trabalhadores que operam o transporte público urbano”, isso implicaria em “severos prejuízos à população, na sua rotina e até mesmo para circunstâncias ou eventos de gravidade pessoal”.

Maria do Perpétuo Socorro também reforça que “é assegurado, na Constituição Federal, aos trabalhadores o direito ao exercício do direito de greve”, mas que a decisão de manter 40% da frota acontece “a fim de que a população não deixe de ser atendida”.

Assine nossa Newsletter e receba as principais notícias do Portal N10 em seu Whatsapp totalmente grátis. Clique no ícone do WhatsApp para ser incluído (não se esqueça de salvar nosso número na sua lista de contato!). Fale conosco!

You Might Also Like

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.