Segundo dados divulgados pelo Banco Central nesta sexta-feira (22), no mês de novembro, os juros do cartão de crédito, na forma rotativa, teve uma baixa em relação ao mês de outubro. A taxa ficou de 333,8% e 338% dos meses respectivos. Mesmo com a queda, a porcentagem continua em alta, acima dos 300%. Em 2016, os juros chegaram a quase 500%.

A linha rotativa do cartão de crédito pode ser acionada pelo usuário que não tem condições de efetuar o pagamento total da sua fatura na data do vencimento, e não quer ficar inadimplente. Para fazer a utilização do rotativo, o consumidor pode pagar o valor mínimo, que já vem especificado na fatura do cartão, ou qualquer outro valor acima deste. Sendo que, na fatura do mês seguinte, o restante do valor é financiado juntamente com os juros do valor faltante.

Desde abril, os bancos começaram a proibir que o consumidor fique por mais de 30 dias no rotativo. A regra começou a valer em abril deste ano. Após esse prazo, as operadoras dos cartões precisam oferecer condições mais razoáveis para que o usuário consiga pagar o valor que deve, com juros mais baixos.

A taxa média cobrada no cheque especial ficou em 323,7% em novembro – mesmo patamar do mês anterior.

De acordo com o chefe do Departamento de Estatísticas do Banco Central, Fernando Rocha, a taxa de juros é referente a política monetária. “Temos redução das taxas de juros e dos spreads. Acontece para qualquer período do que você compare – no mês, no trimestre, no acumulado do ano. Isso está de acordo com ciclo da política monetária e melhora perspectivas da retomada do mercado de crédito para o próximo ano”, afirmou.

Rocha ainda explicou que, a Black Friday, do dia 24 de novembro, pode ter impactado o resultado do mercado de crédito no mês passado. “A Black Friday é um dos efeitos que ajudam a explicar. O cartão de crédito é muito usado para compras. […] Novembro tem caráter sazonal nas vendas”, disse.

Assine nossa Newsletter e receba as principais notícias do Portal N10 em seu Whatsapp totalmente grátis. Clique no ícone do WhatsApp para ser incluído (não se esqueça de salvar nosso número na sua lista de contato!).

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.