Mundo

Jordânia anuncia ataque aéreo contra ‘Estado Islâmico’ após execução de piloto

A Jordânia anunciou nesta quinta-feira (5) o lançamento de ataques aéreos contra o grupo Estado Islâmico (EI), depois de prometer uma dura resposta após o assassínio brutal de um dos seus pilotos, queimado vivo.

Estado Islâmico publica vídeo que mostra piloto jordaniano sendo queimado vivo

“A Força Aérea da Jordânia lançou ataques contra posições do grupo Estado Islâmico”, disse um funcionário do governo, que falou sob anonimato. De acordo com um funcionário da segurança do Estado da Jordânia, a operação ocorreu em uma região da síria controlada pelo grupo terrorista.

Os ataques aéreos jordanianos mataram 55 membros do Estado islâmico , incluindo um comandante da organização terrorista conhecido como o “Príncipe de Nínive”, segundo informações do portal iraquiano de notícias ‘Al Arabiya‘.

Na terça-feira o grupo radical publicou um vídeo que mostrava um homem a ser queimado vivo numa jaula e garantiu tratar-se do piloto jordaniano capturado em 24 de Dezembro. O piloto foi feito refém após a queda do seu caça F-16 na Síria.

No vídeo de 22 minutos divulgado pelos jihadistas, um homem vestido com uma roupa de cor laranja, aparentemente encharcada com um líquido inflamável, e apresentado como Muaz al-Kasasbeh, aparece preso dentro de uma jaula metálica.

Um homem encapuzado pega numa tocha e ateia a gasolina, previamente espalhada. As chamas propagam-se na jaula e consomem rapidamente as roupas do piloto. O homem torturado tenta, em vão, proteger-se, antes de ser transformado numa bola de fogo.

Quer receber as principais notícias do Portal N10 no seu WhatsApp? Clique aqui e entre no nosso grupo oficial. Para receber no Telegram, clique aqui

Romário Nicácio

Administrador de Redes. Co-fundador do Portal N10 e do N10 Entretenimento. Redator de sites desde 2009, passando pelo Notícias da TV Brasileira (NTB), Blog Psafe e vários outros de temas variados. E-mail: romario@oportaln10.com.br

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo