Homem diz à polícia que esfaqueou vítima por “estar entediado”

junho 12, 2019 0 Por Rafael Nicácio
Homem diz à polícia que esfaqueou vítima por “estar entediado”

Policiais civis da 2ª Delegacia de Polícia Civil de Parnamirim prenderam, nesta terça-feira (11), Jordan Medeiros de Souza Aguiar, de 23 anos, estudante universitário. Ele é suspeito de uma tentativa de homicídio no dia 1º deste mês de junho. A prisão, que se deu em cumprimento a um mandado de prisão preventiva, aconteceu em sua residência, localizada no bairro Cohabinal, em Parnamirim.

Na delegacia, Jordan afirmou em interrogatório que tentou matar a vítima porque se encontrava “entediado” e que já tinha praticado o mesmo crime contra outra pessoa em 2015.

Segundo o delegado Carlos Brandão, o homem já saiu de casa planejando matar uma pessoa. Foi até um bar e ficou no local até convencer um desconhecido a sair com ele. Os dois seguiram de carro até a região de Pium, onde o criminoso pegou uma estrada de barro, justificando que iria parar o carro para urinar no mato.

Jordan Medeiros de Souza Aguiar

Ao estacionar o veículo, Jordan Medeiros sacou uma faca e começou a atacar o homem.

Apesar de ferida com 10 cutiladas, a vítima conseguiu correr e se esconder no mato por horas. Após o criminoso ir embora, o homem caminhou por horas até ser achado por uma viatura da Polícia Militar e atendido pelo Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu).

“Em depoimento, ele disse que já saiu com a intenção de matar uma pessoa. Não teve uma motivação específica. Ele planejou o crime e afirmou que fazia isso porque estava entendiado, que tem prazer de ver a morte. Ele contava tudo sorrindo, sem nenhum sinal de sentimento, de remorso”, contou o delegado Carlos Brandão.

A Polícia Civil pede que a população continue enviando informações de forma anônima, através do Disque Denúncia 181.