Grupo Profarma reporta lucro líquido recorde e maior Ebitda da história

Grupo Profarma reporta lucro líquido recorde e maior Ebitda da história

Grupo Profarma reporta lucro líquido recorde e maior Ebitda da história

Rafael Nicácio março 16, 2021 Negócios

O Grupo Profarma divulgou nesta terça-feira, 16 de março de 2021, os resultados do quarto trimestre (4T20) e ano de 2020, o terceiro ano consecutivo de melhoria na performance do Grupo, a despeito de todas as adversidades decorrentes da pandemia. A receita bruta consolidada registrou crescimento de 13,8% em relação ao ano anterior, ao atingir R$ 6,3 bilhões, sendo que a Distribuição apresentou aumento de 16,4% na receita, considerando o mesmo período de comparação.

No ano, o Ebitda atingiu o maior nível da história do Grupo, R$ 222,6 milhões, montante 17,0% superior ao registrado em 2019, e margem Ebitda de 4,1%, em linha com a margem reportada no ano anterior. A melhora operacional verificada no ano aliada ao IPO da d1000 permitiram a redução do grau de alavancagem financeira da Companhia. O índice de endividamento medido pela relação dívida líquida/Ebitda ficou em 0,9x ao final de 2020, o que representa redução de 61,1% em relação ao índice registrado em 2019, de 2,3x.

Além disso, como forma de dar apoio à sociedade, especialmente, considerando as dificuldades geradas pela pandemia, o Instituto Profarma de Responsabilidade Social distribuiu 50 toneladas de alimentos para 44 instituições em todo o Brasil, doou 55 mil kits de higiene para prevenção da Covid 19, além de ter arrecadado, em parceria com o Unicef, R$ 1,5 milhão de doações nos checkouts das lojas da d1000.

O vice-presidente de Finanças e Relações com Investidores da Profarma, Max Fischer, comentou: “Conseguimos entregar um ano repleto de recordes e superação. Nossa equipe seguiu atuando de forma obstinada visando o atingimento dos objetivos previamente traçados pela Companhia. Como reflexo das evoluções operacionais de ambas as divisões, o Grupo Profarma alcançou o lucro líquido recorde de R$ 52,3 milhões no ano, multiplicando em mais de 4 vezes (e+ 336,9%) o lucro líquido de R$ 12,0 milhões registrado em 2019. Em 2021, celebramos os nossos 60 anos de atuação no mercado farma, 15 anos do IPO Profarma e também os 15 anos da criação do Instituto Profarma de Responsabilidade Social. Portanto, nada mais justo que celebrar toda essa história com novos e importantes recordes.”

Destaques por Divisão

Distribuição

A Distribuição apresentou receita bruta de R$ 6,0 bilhões, crescimento de 16,4% em relação a 2019, principalmente em razão do incremento recorrente no número de clientes atendidos e do desempenho das farmácias independentes frente às grandes redes. O Ebitda alcançou R$ 134,9 milhões, 30,7% superior ao ano anterior, e a margem Ebitda foi de 2,6%. Ainda, as despesas representaram 5,9% da receita operacional líquida, diluição de 0,7 p.p. O lucro líquido da divisão atingiu R$ 57,6 milhões, crescimento de 241,2% na comparação com 2019.

d1000 varejo farma

Como efeito das medidas de isolamento social e fechamento temporário de shoppings em função da pandemia, o que levou ao menor fluxo de clientes nas lojas, a d1000 apresentou retração de 10,8% na receita bruta frente ao registrado em 2019, ao atingir R$ 1,07 bilhão. As lojas de shopping, que representam 17% da nossa base, concentraram 69% da redução de vendas. Por outro lado, foi registrado ganho de rentabilidade, com a margem bruta chegando a 30,3%, superior em 1,6 p.p à obtida em 2019, fruto de novas estratégias de precificação e reestruturação da área comercial. O Ebitda totalizou R$ 83,6 milhões no ano, com margem Ebitda de 7,8%, enquanto o Lucro Líquido somou R$ 0,1 milhão em 2020, revertendo prejuízo líquido de R$ 7,5 milhões em 2019.

Quer receber as principais notícias do Portal N10 no seu WhatsApp? Clique aqui e entre no nosso grupo oficial.

Outros artigos