Governo pode iniciar processamento do auxílio emergencial na semana que vem, diz ministro

Governo pode iniciar processamento do auxílio emergencial na semana que vem, diz ministro

O governo federal pretende iniciar o processamento da nova etapa do auxílio emergencial já na semana que vem. Isso será feito tão logo seja liberado o pagamento do Bolsa Família, previsto para o dia 18, segundo o ministro da Cidadania.

Em entrevista à Rádio Bandeirantes, no Jornal Gente, João Roma disse que é necessário cuidado para o dinheiro chegar a quem realmente precisa.

“No próximo dia 18 inicia o pagamento, de acordo com o calendário, do programa Bolsa Família e o auxílio emergencial será processado logo após. São muitos esforços e o empenho não é apenas em processar e transferir o dinheiro e transferir esses dados para Caixa Econômica realizar o pagamento. O processamento é mais amplo através do cruzamento de dados tirando imperfeições para que esses recursos, que são públicos, possam atingir os verdadeiros destinatários que são os brasileiros que mais precisam”, disse.

Segundo o ministro João Roma, a expectativa do governo é que o auxílio, com valor médio de R$ 250, beneficie 46 milhões de pessoas.

“Essa nova etapa do auxílio, que vai custar R$ 250, o valor médio podendo ser um pouco a menos, o que iremos validar com o presidente da República, para os individuais e um pouco a mais para as mulheres chefes de família. Esse cruzamento de dados possibilita justamente evitar o pagamento indevido para destinatários que não são o público alvo do auxílio emergencial e que de fato hoje isso gire em torno de 46 milhões de beneficiários. O início do auxílio emergencial chegou a atingir cerca de 68 milhões”, disse.

Valores exatos, duração e regras para a nova etapa do auxílio emergencial serão definidos por medida provisória.

A Proposta de Emenda Constitucional que prevê a retomada do pagamento já passou pelo Senado e deve ser aprovada em definitivo hoje na Câmara.

Esta notícia foi interessante para você? Compartilhe com seus amigos!

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

%d blogueiros gostam disto: