Governo federal autoriza ampliação do Sistema de VLT da Grande Natal

Governo federal autoriza ampliação do Sistema de VLT da Grande Natal

Governo federal autoriza ampliação do Sistema de VLT da Grande Natal

Rafael Nicácio novembro 17, 2020 Destaques

A Resolução nº 143 do Conselho do Programa de Parcerias de Investimentos, publicada no Diário Oficial da União desta segunda-feira (16/11), autoriza a Companhia Brasileira de Trens Urbanos (CBTU) a promover investimentos na região metropolitana de Natal.

A Resolução, assinada conjuntamente pelos Ministros Paulo Guedes e Rogério Marinho, considera o estágio inicial da desestatização da CBTU, especificamente da praça de Natal. Além disso, lembra que ainda não foi assinado Acordo de Cooperação Técnica com o Estado do Rio Grande do Norte para a desestatização da Companhia.

Levando em consideração que o Ministério do Desenvolvimento Regional entende que os investimentos em expansão são relevantes e que não trarão restrição ao processo de desestatização, a Resolução autoriza a remodelação das linhas Norte (Ceará-Mirim/Ribeira) e Sul (Ribeira/Parnamirim), com a implantação de novos trechos.

Linhas Branca e Roxa

O Sistema de Trens Urbanos de Natal é operado por composições diesel em duas linhas ferroviárias com extensão total de 56,2 km abrangendo 4 municípios e transportando cerca de 14,3 mil passageiros/dia.

A Linha Norte com extensão de 38,5 km, abrangendo 3 municípios, Natal, Extremoz e Ceará Mirim, com 13 estações em operação e a Linha Sul com 17,7 km, abrangendo 2 municípios, o de Natal e o de Parnamirim, com 10 estações em operação.

Em junho deste ano o Ministro do Desenvolvimento Regional, Rogério Marinho, já tinha anunciado a liberação de R$ 75,7 milhões para a ampliação da malha férrea.

Desse montante, R$ 53,7 milhões será destinada à expansão da Linha Sul, com a implantação da Linha Branca.

O novo trecho será composto por 24 quilômetros de via permanente, além de seis estações, e permitirá a ligação entre Natal e Nísia Floresta, passando pela cidade de São José do Mipibu.

Outros R$ 13 milhões estão destinados à implantação do Trecho 1 da Linha Roxa, com 3,6 quilômetros de trilhos e quatro estações. A etapa tem início na Linha Norte, em Extremoz, corta o município de São Gonçalo do Amarante e chega ao Aeroporto Internacional de Natal.

Também serão utilizados recursos da ordem de R$ 9 milhões para reparos em vagões do sistema de veículo leve sobre trilhos (VLT) e aquisição de uma nova locomotiva.

Outros artigos