Destaques, Tecnologia

Golpe bancário via SMS atinge mais de 33 mil pessoas em uma semana

Hackers

O DFNDR Lab, laboratório de segurança digital especializado em cibercrimes, alerta para golpes envolvendo o nome de dois importantes bancos do país de forma fraudulenta: o Santander e o Banco do Brasil. Na última semana, hackers disseminaram de forma massiva links maliciosos via mensagens SMS que simulavam à perfeição comunicações oficiais das instituições financeiras, com dizeres como: “Por razões de segurança, seu cartão foi bloqueado” e “Prezado (a) cliente, seu cartão de segurança expirou”. Ao todo, foram bloqueados mais de 33 mil ataques deste golpe pelo aplicativo DFNDR Security.

Este tipo de ataque tem levantado cada vez menos suspeita. Por conta disso, somente na última semana, 164 mil pessoas utilizaram a nova ferramenta gratuita do DFNDR Lab (https://lab.dfndrsecurity.com/pt-br/) que permite que qualquer usuário de smartphone ou desktop analise se um link é malicioso ou não antes de clicar.

Segundo Emílio Simoni, diretor do DFNDR Lab, “ataques via SMS ainda são muito comuns. Por isso, é muito importante manter um aplicativo de segurança atualizado com a função antiphishing e também desconfiar de quaisquer arquivos e links, mesmo quando recebidos de pessoas conhecidas ou quando a comunicação aparenta ser oficial”. Tendo como base a quantidade de smartphones no Brasil, o laboratório estima que cerca de outras 410 mil pessoas tenham sido impactadas.

Como funciona

Ao acessar a URL do golpe, o usuário de smartphone é encaminhado a uma página que o induz a passar informações pessoais e bancárias, como CPF e dados do cartão de crédito, incluindo senhas e fotos de tokens/cartões de segurança bancários. Além disso, também é solicitado do correntista o número de IMEI (Identificação Internacional de Equipamento Móvel) dos aparelhos celulares. Com isso, criminosos conseguem clonar os dispositivos dos usuários.

You Might Also Like

Deixe uma resposta

Your email address will not be published. Required fields are marked *

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.