Girão quer CPI para investigar recursos federais recebidos pelo Governo Fátima

Girão quer CPI para investigar recursos federais recebidos pelo Governo Fátima

Girão quer CPI para investigar recursos federais recebidos pelo Governo Fátima

Girão quer CPI para investigar recursos federais recebidos pelo Governo Fátima

Rafael Nicácio maio 25, 2021 Destaques

“O Governo do Estado recebeu mais de R$ 1 bilhão do Governo Federal para investimento no combate e enfrentamento ao Covid-19. No entanto, faltou efetividade nas ações e transparência com a utilização destes recursos”, é o que afirma o deputado federal General Girão, que tem constantemente utilizado os meios de comunicação e as suas redes sociais para cobrar esclarecimentos sobre o uso deste suposto montante. Em nota, ele informa que decidiu protocolar um pedido de investigação das contas públicas do Rio Grande do Norte na Comissão de Fiscalização Financeira e Controle da Câmara Federal.

Na tarde desta segunda-feira (24), Girão apresentou o requerimento aos deputados estaduais do RN, enfatizando a necessidade de instauração de uma Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) em âmbito estadual e se colocando a disposição para contribuir com o processo de abertura desta CPI na Assembleia Legislativa do Rio Grande do Norte. O documento foi entregue nas mãos dos deputados estaduais Coronel Azevedo e Tomba Farias durante evento promovido pelo Ministério das Comunicações em Natal.

De acordo com o texto, é necessário apurar se houve negligência do governo local, “em especial ao mau uso do vultoso volume de recursos federais”, e se tais atitudes fomentaram a crise sanitária grave com o aumento descontrolado do número de infectados, mesmo com as medidas de contenção, fechamento do comércio e demais ações no sentido de impedir a contaminação.

Para o deputado General Girão, a investigação é urgente e necessária. “Sabemos que o Governo do Estado recebeu mais de R$ 1 bilhão em transferências extraordinárias em 2020. No entanto, nunca ficou claro para onde este montante todo foi. Não tivemos nem um hospital de campanha estadual. O que tivemos foram contratações suspeitas e equipamentos pagos e não entregues. Para onde foram os R$ 5 milhões aplicados no Consórcio Nordeste para a compra de respiradores? São muitos questionamentos relevantes e indispensáveis que devem ser feitos a fim de esclarecer eventuais irregularidades. Existem dados, que se verídicos, tendem a demonstrar a malversação desses recursos recebidos pelo Estado. A população precisa saber para onde foi o dinheiro que deveria ter sido gasto no enfrentamento à pandemia. A AL tem todo o meu apoio em busca da verdade e da transparência”, afirmou o deputado General Girão.

Outros artigos