Notícias

Confira quanto custa o seguro do Toyota Hilux 2024

A Toyota Hilux 2024 é amplamente desejada no país e figura entre as picapes mais vendidas. Em julho, registrou a venda de 4.354 unidades, enquanto em agosto emplacou 4.435 unidades, totalizando 30.313 unidades comercializadas ao longo do ano. No entanto, é importante ressaltar que ela se posiciona como uma das opções mais caras no mercado, o que limita o acesso a ela tanto na compra quanto na manutenção, tornando-a uma escolha viável apenas para aqueles com maior poder aquisitivo.

A Hilux desempenhou um papel crucial na consolidação da marca japonesa no mercado nacional. Isso se deve à sua comprovada durabilidade e confiabilidade, que a tornaram uma escolha popular. Além de sua resistência, a picape recebe elogios pela sua suspensão sólida, tornando-a versátil para uso tanto em situações familiares quanto para o transporte de cargas diversas.

toyota hilux 2.8 d4d turbo diesel cd grs 4x4 automatico wmimagem12464243431 A picape é conhecida por sua resistência excepcional, frequentemente não apresentando problemas, sendo ideal tanto para atividades profissionais quanto para momentos de lazer. O "Fipe Carros" analisou o preço do seguro de cinco versões da Toyota Hilux
Foto: Divulgação/Toyota Sorte

A Hilux prioriza indiscutivelmente a segurança, conforme evidenciado pela avaliação do Latin NCAP, que concedeu à picape uma classificação máxima de 5 estrelas tanto para a proteção de adultos quanto para a de crianças. Além disso, o veículo se sobressai na categoria de picapes, destacando-se por proporcionar um notável equilíbrio entre conforto, dirigibilidade e segurança.

Motorização e dimensões do Toyota Hilux 2024

A caminhonete está equipada com um motor turbo a diesel de 2.8L, que possui 16 válvulas. Este motor oferece uma potência de 204 cv e um torque de 50,9 kgf.m. Além disso, para proporcionar uma experiência de condução confortável, a caminhonete vem equipada com uma transmissão automática de 6 velocidades sequenciais.

Conforme as informações fornecidas pelo Inmetro, as versões equipadas com este conjunto apresentam uma média de consumo de combustível de 10,1 km/litro em áreas urbanas e 11,3 km/litro em estradas. Além disso, a velocidade máxima que a picape pode atingir é de 180 km/h, e é capaz de acelerar de 0 a 100 km/h em apenas 12 segundos.

Por outro lado, a versão GR-Sport utiliza o mesmo motor turbo 2.8 a diesel, mas foi calibrado para gerar 224 cv de potência e 55 kgfm de torque. Além disso, vem com uma transmissão automática de seis marchas e tração 4×4.

De acordo com as informações do Inmetro, a linha 2023 da Hilux GRS apresenta um consumo de 9,5 km/l em áreas urbanas e 10,7 km/l em rodovias. Embora a marca japonesa não tenha divulgado oficialmente os números de desempenho, nossa equipe do site “Fipe carros” apurou que a caminhonete é capaz de acelerar de zero a 100 km/h em menos de 9 segundos, o que representa um desempenho consideravelmente superior.

As dimensões da picape são as seguintes: possui 5,32 metros de comprimento, 3,08 metros de entre-eixos, uma largura de 1,85 metros e uma altura de 1,81 metros. Além disso, o porta-malas tem uma capacidade de 1.036 litros, e o peso oficial do automóvel é de 1.880 kg.

Seguro do Toyota Hilux 2024

Adquirir um carro no Brasil, especialmente um modelo novo, representa um desafio significativo para a maioria das pessoas. Além das questões financeiras, muitos optam por recorrer a financiamentos para concretizar essa compra. Adicionalmente, há despesas contínuas a serem consideradas, tais como manutenção, IPVA, licenciamento e seguro. No entanto, encarar os custos de abastecimento também se torna complicado, sobretudo diante da atual situação econômica do país.

Diante do amplo leque de despesas mencionado, surge a seguinte pergunta: seria uma opção viável dispensar um seguro automotivo? É evidente que a aquisição de um automóvel frequentemente implica em sacrifícios financeiros, os quais impactam de maneira significativa o orçamento pessoal.

Nesse contexto, é compreensível que após a compra, poucas pessoas tenham condições de adquirir outro veículo nos meses subsequentes. Portanto, a relevância do seguro se torna inquestionável, uma vez que atua como proteção para resguardar o patrimônio adquirido com muito esforço.

Um veículo possui uma natureza material singular em comparação com diversos outros bens. Logo após sair da concessionária, o automóvel se depara com diversos riscos, como roubo, acidentes e possíveis falhas mecânicas.

Com o intuito de lidar preventivamente com tais situações, o proprietário pode optar por adquirir um seguro para o modelo Toyota Hilux 2024. Em casos de imprevistos, esse seguro evita que o proprietário tenha que suportar prejuízos consideráveis. Dessa forma, além de adotar medidas para reduzir esses riscos, contar com um seguro é uma abordagem prudente para se proteger contra possíveis adversidades.

O portal “Fipe carros” realizou uma análise da situação de um homem de 38 anos que utiliza seu veículo para fins pessoais, apesar de não possuir qualquer tipo de seguro para o automóvel. Agora, apresentaremos uma análise abrangente dos custos dos seguros disponíveis para o modelo Toyota Hilux 2024. Como exemplo, consideraremos um residente da cidade de São Paulo, localizada no estado de São Paulo (SP).

ConfiguraçãoPreço de TabelaPlano básico Plano médioPlano completo
STD Chassi-Cabine 2.8 4×4 MTR$ 226.100,00R$ 5.641,75R$ 9.199,62R$ 11.563,11
STD CS 2.8 4×4 MTR$ 233.800,00R$ 5.641,75R$ 9.326,65R$ 11.788,47
STD Power Pack CD 2.8 4×4 MTR$ 249.600,00R$ 5.641,75R$ 9.549,12R$ 12.183,11
SR CD 2.8 4×4 ATR$ 279.890,00R$ 5.641,75R$ 9.980,29R$ 12.887,73
SRV CD 2.8 4×4 ATR$ 288.590,00R$ 5.641,75R$ 10.243,23R$ 13.354,14

Josean Santos

Josean Belo dos Santos é um estudante de jornalismo e graduado em História pela UFPI. Ele possui ampla experiência no setor automotivo, iniciando sua trajetória em 2008. Além disso, atuou como colaborador em alguns dos principais sites do Brasil.

Deixe uma resposta

Botão Voltar ao topo