Empregos e Estágios

Estágio: da faculdade para a vida profissional

Estagiar durante a graduação é um passo decisivo no futuro de um profissional. E não é por acaso que os processos seletivos estão cada vez mais concorridos. O ponto positivo é que, mesmo diante de tanta concorrência, o número de estagiários cresceu no país. Comparando os dois últimos anos, foi possível verificar uma alta de 23,8%. No primeiro trimestre do ano passado, o número de estagiários atuando no Brasil era de 466.157. No mesmo período deste ano, são 576.983 estagiários em atividade. Os números fazem parte de uma pesquisa divulgada na última terça-feira (16), pelo Centro de Integração Empresa-Escola (CIEE). Outro dado apresentando é que estudantes do sexo feminino são maioria no mercado, respondendo por 65% das vagas ocupadas, com taxa de contratação de 30%. A estudante de jornalismo, Larissa Mesquita, de 23 anos, se enquadra na estatística da pesquisa. Ela sabe que o estágio é uma das maiores fontes de experiência. “São aprendizados que serão levados para a vida inteira. Atuando no mercado, é onde o estudante põe em prática tudo o que aprende em sala de aula e até mesmo o que não é visto”, opina. Hoje, Larissa é estagiária de uma agência de notícias e analisa que esta experiência profissional está ajudando para que se torne uma profissional melhor. “Por mais que eu aprenda em sala de aula, pôr em prática é completamente diferente. Aprendo cada vez mais no meu ambiente de trabalho. Aprendo, inclusive, a ser uma pessoa melhor”, analisou a estudante do 6º semestre de jornalismo. Mais estagiários Segundo a pesquisa do CIEE, os cursos com maior número de estagiários no país são Administração, Pedagogia, Direito, Ciências Contábeis, Engenharia Civil e Engenharia de Produção. Porém, no último trimestre, um dos cursos que mais abriram vagas Foram Direito, Pedagogia, Educação Física e Tecnologia da Informação. Formado em Engenharia Civil, Caio Braga, teve a oportunidade de estagiar desde quando estava na metade do seu curso. Segundo ele, o estágio sempre foi, além da sala de aula, fonte de troca de conhecimento e uma oportunidade de pôr em prática os assuntos abordados na faculdade. “O estágio aumenta o meu networking e abre portas para novas oportunidades. Estagiar engloba desde o contato com a vida prática até a preparação profissional. É uma experiência fundamental para galgar melhores oportunidades no mercado”, assegura. Para estagiar, é necessário estar matriculado em alguma universidade, escola ou fazendo um curso técnico. Caso você ainda não esteja matriculado em algumas dessas modalidades de ensino, não precisa se preocupar. O Educa Mais Brasil pode abrir portas para você. O programa já beneficiou mais de 900 mil estudantes e oferece bolsas de até 70% para todas as modalidades de ensino. Acesse o site do programa e confira as oportunidades disponíveis na sua região.

Estagiar durante a graduação é um passo decisivo no futuro de um profissional. E não é por acaso que os processos seletivos estão cada vez mais concorridos. O ponto positivo é que, mesmo diante de tanta concorrência, o número de estagiários cresceu no país. Comparando os dois últimos anos, foi possível verificar uma alta de 23,8%. No primeiro trimestre do ano passado, o número de estagiários atuando no Brasil era de 466.157. No mesmo período deste ano, são 576.983 estagiários em atividade.

Os números fazem parte de uma pesquisa divulgada na última terça-feira (16), pelo Centro de Integração Empresa-Escola (CIEE). Outro dado apresentando é que estudantes do sexo feminino são maioria no mercado, respondendo por 65% das vagas ocupadas, com taxa de contratação de 30%. A estudante de jornalismo, Larissa Mesquita, de 23 anos, se enquadra na estatística da pesquisa. Ela sabe que o estágio é uma das maiores fontes de experiência. “São aprendizados que serão levados para a vida inteira. Atuando no mercado, é onde o estudante põe em prática tudo o que aprende em sala de aula e até mesmo o que não é visto”, opina.

Hoje, Larissa é estagiária de uma agência de notícias e analisa que esta experiência profissional está ajudando para que se torne uma profissional melhor. “Por mais que eu aprenda em sala de aula, pôr em prática é completamente diferente. Aprendo cada vez mais no meu ambiente de trabalho. Aprendo, inclusive, a ser uma pessoa melhor”, analisou a estudante do 6º semestre de jornalismo.

Mais estagiários

Segundo a pesquisa do CIEE, os cursos com maior número de estagiários no país são Administração, Pedagogia, Direito, Ciências Contábeis, Engenharia Civil e Engenharia de Produção. Porém, no último trimestre, um dos cursos que mais abriram vagas Foram Direito, Pedagogia, Educação Física e Tecnologia da Informação.

Formado em Engenharia Civil, Caio Braga, teve a oportunidade de estagiar desde quando estava na metade do seu curso. Segundo ele, o estágio sempre foi, além da sala de aula, fonte de troca de conhecimento e uma oportunidade de pôr em prática os assuntos abordados na faculdade. “O estágio aumenta o meu networking e abre portas para novas oportunidades. Estagiar engloba desde o contato com a vida prática até a preparação profissional. É uma experiência fundamental para galgar melhores oportunidades no mercado”, assegura.

Para estagiar, é necessário estar matriculado em alguma universidade, escola ou fazendo um curso técnico. Caso você ainda não esteja matriculado em algumas dessas modalidades de ensino, não precisa se preocupar. O E+ Brasil pode abrir portas para você. O programa já beneficiou mais de 900 mil estudantes e oferece bolsas de até 70% para todas as modalidades de ensino. Acesse o site do programa (aqui) e confira as oportunidades disponíveis na sua região.

Assine nossa Newsletter e receba as principais notícias do Portal N10 em seu Whatsapp totalmente grátis. Clique no ícone do WhatsApp para ser incluído (não se esqueça de salvar nosso número na sua lista de contato!). Fale conosco!

You Might Also Like

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.