Mundo

Estado Islâmico ocupa uma base militar no Iraque e executa 300 soldados

Estado-Islâmico
Foto: Reprodução

O Estado Islâmico tem mantido sob seu domínio uma base militar perto de Bagdá e executou cerca de 300 soldados iraquianos. As informações são da agência Reuters.

Refém do Estado Islâmico implora por sua vida em mensagem à família

As autoridades iraquianas ainda não comentaram a informação, porém, fontes da inteligência iraquiana afirmam que houve uma ocupação de base militar, na cidade de Saqlawiya, a nordeste de Fallujah. Após controlar a cidade de Alsijir, os jihadistas islâmicos levantaram acampamento militar em Saqlawiya, onde, havia cerca de 1.000 soldados, dos quais 300 foram executados.

Foto: Reuters

Foto: Reuters

O EI foi formado como um ramo da Al Qaeda no Iraque e liderado por Abu Bakr al Baghdadi. Chamados de Estado Islâmico do Iraque (ISI), eles não agem diretamente sobre a Síria. Em meados de 2011, um dos seus membros, Abu Muhammad Al-Golani, fundou a Frente al-Nusra, que se tornou o principal ator jihadista na guerra civil na Síria. Na quinta-feira (18), o premiê iraquiano, Haider al-Abadi, disse que o Iraque descobriu um plano para a preparação de ataques terroristas nos transportes públicos em Paris e Nova York.

Assine nossa Newsletter e receba as principais notícias em seu e-mail. O artigo continua após o formulário!

Mantemos seus dados privados e os compartilhamos apenas com terceiros que tornam esse serviço possível. Veja nossa Política de Privacidade para mais informações.

You Might Also Like

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.