Mundo

Estado Islâmico liberta reféns japonês e jordaniano, diz rede Al Jazeera

O grupo jihadista Estado Islâmico (EI) libertou nesta quarta-feira (28) o refém japonês Kenji Goto e o militar jordaniano Muath al Kasaesbeh, segundo informações da rede Al Jazeera. Os dois foram soltos em troca da terrorista Sajida al Rishawi, condenada à morte na Jordânia.

Na semana passada, os radicais anunciaram que queriam US$ 200 milhões em troca de Goto e, na última terça (27), deram 24 horas para o pagamento do resgate, ameaçando executá-lo caso a quantia não fosse paga. Porém, o Governo do Japão decidiu não pagar para o Estado Islâmico o resgate necessário para libertar os dois reféns.

Também na semana passada, os extremistas assassinaram um refém japonês que estava em seu poder, Haruna Yukawa, devido o governo japonês ter negado o pagamento para libertá-los.

A libertação de Rishawi era uma exigência do grupo para poupar a vida de Kasaesbeh, capturado após a queda de um caça da Jordânia na Síria e do japonês Kenji Goto.

Quer receber as principais notícias do Portal N10 no seu WhatsApp? Clique aqui e entre no nosso grupo oficial. Para receber no Telegram, clique aqui

Siga o Portal N10 no Google News para acompanhar nossas notícias. Clique na imagem abaixo!

Romário Nicácio

Administrador de Redes. Co-fundador do Portal N10 e do N10 Entretenimento. Redator de sites desde 2009, passando pelo Notícias da TV Brasileira (NTB), Blog Psafe e vários outros de temas variados. E-mail: romario@oportaln10.com.br

Artigos relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Botão Voltar ao topo

Adblock detectado

Olá pessoal! O acesso ao nosso site é gratuito, porém precisamos da publicidade aqui presente para mantermos o projeto online. Por gentileza, considere desativar o adblock ou adicionar nosso site em sua white-list e recarregue a página.