Estado Islâmico compra metais preciosos para cunhar sua própria moeda

Foto: © RIA Novosti

O Estado Islâmico (EI) está comprando grandes quantidades de ouro, prata e cobre nos mercados situados no noroeste do Iraque, a fim de criar a sua própria moeda, relata o site ‘ McClatchy’. A intenção do grupo terrorista de cunhar sua própria moeda foi anunciada na semana passada. Os militantes querem recuperar os dinares e dirhams, que apareceram no mundo islâmico em 634 d.C, e algumas autoridades religiosas iraquianas anunciaram em mesquitas que estas moedas poderiam voltar a circular. As informações são do Actualidad RT.

Embora a organização islamita não confirme essa informação, o portal dos EUA diz que, de acordo com as conversas com vários comerciantes iraquianos, “o Estado Islâmico já começou o processo complexo de cunhar sua própria moeda”.  Ele também observa que esta organização é “a melhor financiada com fundos não-governamentais na história, e com grande fluxo de receitas do petróleo e da política fiscal agressiva pode controlar o vasto território tomado no Iraque e na Síria”.

Hoje, muitos países têm dinares ou dirhams em moeda nacional, mas encravado em uma liga de metal, como qualquer moeda moderna. Os dinares originais e dirhams, no entanto, consistiu de 4,3 gramas de ouro maciço e 3 gramas de sólido, respectivamente prata. Acredita-se que os terroristas planejam usar a moeda independente em áreas sob seu controle, como parte de sua guerra contra o Ocidente e consolidação de seu califado A moeda, o que pode ser introduzido dentro de semanas, implicando na mudança do dinar iraquiano e libras sírias atuais para dinares de ouro e prata dirhams em áreas que dominam.

você pode gostar também

Deixe um comentário

error: Conteúdo protegido, entre em contato ([email protected]) para solicitar a matéria!