The Noite, Gui Santana
Imagem: Gabriel Cardoso/SBT

No The Noite desta segunda-feira, 20 de janeiro de 2020, Danilo Gentilli conversa com Gui Santana.

O humorista conta que aos sete anos já fazia imitações na escola e brinca: “acho que imitação é um problema de cabeça. Você domina personalidades e se apodera de alguns fragmentos”. Ele diz ter começado com Zacarias, coincidentemente um dos personagens que mais o projetou nacionalmente e lembra: “não sabia fazer a voz, só a carinha dele mesmo”.

O convidado fala que sonhava em ser mecânico e que chegou a cogitar a política: “era fã do Paulo Maluf, por incrível que pareça”. Questionado sobre a época em que começou na televisão aberta, no “Pânico na TV”, conta em tom de brincadeira: “achei que eu ia ter dinheiro, sucesso, carrões…”. Sobre ter ficado com alguém da atração, declara brincando: “peguei muita raiva. Não peguei ninguém”. Gui faz ainda algumas de suas imitações durante a conversa e diverte a todos com suas esquetes.

Você pode conferir a entrevista logo após o Conexão Repórter.

Deixe um comentário

Deixe uma resposta

Please enter your comment!
Please enter your name here

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.