Sem Censura
Imagem: TV Brasil/Divulgação

O Sem Censura desta segunda-feira, 26 de agosto de 2019, Rabino Nilton Bonder conversa sobre novo livro.

Recebe o rabino Nilton Bonder para um papo sobre o recém-lançado “Cabala e a arte de manutenção da carroça” (Ed. Rocco), primeiro de uma série de sete livros que tratam de comportamento humano sob a ótica da Cabala.

Cada capítulo do livro começa com uma fábula, cujo protagonista é a carroça, símbolo de inovação e tecnologia em eras passadas. Bonder argumenta que “a carroça era a loja-escritório e a empresa. De um ponto de vista simbólico, a carroceria representava o produto/mercadoria; as rodas, o marketing; e o cavalo, as vendas. O mercado, por sua vez, era o caminho por onde transitava a empresa, enfrentando entraves e contratempos.”

O que acontece às carroças é o ponto de partida para a análise dos princípios da Cabala. A carroça ora fica atolada na lama, ora tomba ou o cavalo morre. Por tal ótica, Bonder convida os leitores a avaliar os riscos da vida, encará-los e usá-los a seu favor, para que a “carroça” – projetos, planos ou empreendimentos – permaneçam em atividade e progresso.

Rabino da Congregação Judaica do Brasil, Nilton Bonder é reconhecido mundialmente como um dos maiores intérpretes literários da antiga sabedoria judaica e também como defensor do ecumenismo religioso. Seus livros sensibilizam leitores de variados públicos. Entre os livros de Bonder estão “Tirando os sapatos”, “Segundas intenções” e a trilogia “A Cabala da comida”, “A Cabala do dinheiro”, “A Cabala da inveja.” Sua obra “A alma imoral” deu origem à peça homônima interpretada por Clarice Niskier.

Ainda no Sem Censura da segunda, a faixa preta de jiu-jitsu Érica Paes dá detalhes do seu curso de defesa pessoal para mulheres. No palco do programa, o músico André Lara, neto de Dona Ivone Lara, apresenta o recém-lançado álbum “Doces Recordações.”

Sobre o programa

Sob o comando de Vera Barroso, com Bruno Barros e Carol Rocha, o Sem Censura está no ar desde 1985. O programa tem uma hora de duração e extensão de 15 minutos no Facebook. A hashtag #semcensura nas redes sociais garante a interação com o público. O programa foi um dos primeiros da TV brasileira a abrir espaço para a participação dos telespectadores, ainda nos anos 1980.

Tudo isso e muito mais você pode conferir logo após a série Pablo, a partir das 17h, na TV Brasil.

Deixe um comentário

Deixe uma resposta

Please enter your comment!
Please enter your name here

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.