Programação da TV Bernardo Vieira

Profissão Repórter – 22/05/2019: os traumas dos massacres em escolas

Profissão Repórter – 22/05/2019: os traumas dos massacres em escolas

Profissão Repórter desta quarta-feira, 22 de maio de 2019, os traumas dos massacres em escolas.

O ‘Profissão Repórter’ destaca a crescente incidência de massacres em ambientes escolares no Brasil e nos Estados Unidos. A equipe do programa esteve com as famílias das vítimas e com os sobreviventes do recente ataque em Suzano, na grande São Paulo, e também da chacina que aconteceu há 20 anos na cidade de Denver, no Colorado.

Completado dois meses, o ataque na escola Raul Brasil, cometido por dois adolescentes, deixou onze feridos e oito mortos. As repórteres Alana Oliveira e Sara Pavani acompanharam os esforços dos familiares das vítimas e dos alunos desde o primeiro dia do massacre e, no programa, mostram a difícil recuperação de quem vivenciou o traumático ataque. “Tentamos fazer o trabalho mais documental possível, sem muitas perguntas, sem interferências”, comenta Sara.

Dos EUA, o repórter Estevan Muniz encontra com alunos e professores que conseguiram escapar do ataque na Columbine High School, onde treze pessoas foram assassinadas. “Quando voltei para sala de aula, eu pensei: essas são as pessoas que eu amo, esse é o trabalho que eu amo. Eu só precisava de uma pequena pausa”, relembra a professora Paula Reed, que ficou afastada por dois anos.

O programa ainda mostra os recentes dados divulgados pela imprensa americana, que apontam para o aumento desses casos e levantam a discussão sobre como noticiar essa onda de homicídios. Após Columbine, já foram registrados 230 ataques ou incidentes com armas em escolas primárias e secundárias nos Estados Unidos..

Você pode conferir o programa logo após o Futebol 2019 na tela da Globo.

Sobre o autor | Website

Catarinense e estudante de direito. Escrevo sobre entretenimento desde 2010, mas comecei com política internacional depois da campanha americana de 2016. Adoro uma premiação e um debate político, mas sempre estou lendo ou assistindo algo interessante. Quer saber mais? Me pague um café e vamos conversar.

Deixe um comentário

Por gentileza, se deseja alterar o arquivo do rodapé,
entre em contato com o suporte.