Neymar é registrado em auxilio emergencial e tem benefício autorizado
Fox Sports

Com o número do Cadastro de Pessoas Físicas (CPF) em mãos e demais dados do Neymar, uma pessoa requisitou ao governo federal o auxílio emergencial no nome do jogador brasileiro. A ajuda foi aprovada e liberada para crédito, mas o status atual é de está “em avaliação” por “indícios de desconformidades”. A informação foi publicada inicialmente pelo portal “Uol” e confirmada pelo GloboEsporte.com.

Procurada, a assessoria do jogador limitou-se a negar que ele tenha pedido o auxílio emergencial. A ajuda de R$ 600 foi aprovada pelo governo e é destinada a trabalhadores informais, desempregados, contribuintes individuais do INSS e MEIs (Micro Empreendedor Individual) impactados com a crise financeira imposta pela pandemia do novo coronavírus.

O programa, no entanto, tem registrado diversos problemas desde que foi liberado. A Controladoria-Geral da União (CGU) apura pelo menos 160 mil fraudes.

No último dia 21, o apresentador do Jornal Nacional, William Bonner, denunciou que os dados de um dos seus filhos também foi usado para pedir o auxílio.

Em nota, o Ministério da Cidadania, responsável pela gestão do programa emergencial de apoio à população, diz que tem trabalhado em conjunto com outros órgãos para combater as fraudes no auxílio emergencial.

A pasta reforça ainda que “as informações que estão sendo inseridas no site e no aplicativo do auxílio emergencial são cruzadas com vários bancos de dados oficiais de documentação e situação econômica e social” e que eventuais irregularidades estão sujeitas a penalidades.

Deixe um comentário

Deixe uma resposta

Please enter your comment!
Please enter your name here

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.