A Netflix passou os últimos quatro anos trabalhando para melhorar a maneira como transmite seus filmes e programas de TV pela Internet para os seus milhões de usuários.

De acordo com uma reportagem da Variety, a plataforma de Reed Hastings em breve poderá oferecer streaming de vídeos usando 20% menos dados e sem nenhuma perda perceptível de qualidade de imagem. Pelo contrário, na verdade: a Netflix diz que o conteúdo que você mais gosta deverá ficar com um aspecto melhor do que hoje em dia.

O novo processo de codificação da empresa vai ajustar o nível de qualidade da transmissão de acordo com o conteúdo que você está assistindo. Por exemplo, um desenho animado receberá menos largura de banda do que um filme de sucesso de Hollywood.

Ambos continuarão em resolução 1080p. Mas a diferença é que a Netflix vai diminuir o bitrate para algo em torno de 1.5Mbps, o que deverá permitir que mais pessoas consigam assistir a filmes e desenhos em Full HD. Até então, muita gente acabava vendo seu streaming caindo para 720p, uma vez que a Netflix entregava tudo com um bitrate mais alto de 5.8Mbps. Essa otimização também vai valer para outros tipos de conteúdos, aponta a empresa.

Para isso, a Netflix terá de recodificar todo o seu catálogo para conseguir alcançar a tão esperada melhor eficiência de streaming. Como o processo será automatizado para cada título, pode ser que apareçam algumas decisões ruins do sistema, mas isso só poderá ser comprovado na prática.

Deixe um comentário

Deixe uma resposta

Please enter your comment!
Please enter your name here

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.