Bruno Luperi, autor de remake de “Pantanal”, visita paisagens da nova trama

Bruno Luperi, autor de remake de “Pantanal”, visita paisagens da nova trama

Bruno Luperi, autor de remake de “Pantanal”, visita paisagens da nova trama

Aline Cássia julho 5, 2021 Notícias da TV

A nova trama está prevista para ter sua estreia logo após a inédita trama “Um Lugar ao Sol”

Pantanal é uma telenovela brasileira, produzida, originalmente, pela Rede Manchete. A trama foi exibida entre 27 de março e 10 de dezembro de 1990, em 223 capítulos. Escrita por Benedito Ruy Barbosa, ela terá um remake, que agora será assinado pelo neto Bruno Luperi. O novo autor, postou em suas Redes Sociais, uma foto onde visitou o local que será gravado a nova trama.

“Disseram que os ipês floriram para nos receber. Penso que foi o contrário: nós fomos até lá para vê-los florescer”, escreveu ele na legenda da foto onde passeia a cavalo.

Bruno já estuda os capítulos originais para manter o texto fiel. Ano passado, ele já havia postado uma foto no seu Instagram, uma paisagem do local. “Depois de ter lido os capítulos e entregue a sinopse, é hora de mergulhar no lugar que deu origem a esse sonho há mais de trinta anos”, relembrou Luperi.

“Pantanal” está prevista para ter sua estreia logo após a inédita trama “Um Lugar ao Sol”, de Lícia Manzo, e já tem nomes cotados como Juliana Paes, Marcos Palmeira, Debora Bloch, Julia Dalavia, Osmar Prado e Murilo Benício. A trama começará a ser gravaa ainda esse mês de Julho.

Em entrevista à coluna de Patrícia Kogut, no jornal O Globo, Ruy Barbosa revelou outros nomes que queria para interpretar alguns personagens para o remake, como foi o caso da atriz, Vanessa Giácomo. Porém, a escolha da Globo foi outra: Alanis Guillen.

“Juma Marruá é uma das melhores personagens femininas que escrevi. Tinha indicado a Vanessa Giácomo, mas a Globo decidiu fazer com outra atriz”, afirmou o autor.

A trama original de 1990 teve Cristiana Oliveira, Cláudio Marzo, Marcos Winter, Ittala Nandi, José de Abreu, Elaine Cristina, Sérgio Reis e Ewerton de Castro nos papéis principais.

Outros artigos