Um tribunal argentino emitiu um mandado de prisão contra o cantor canadense Justin Bieber, perseguido pelo país da América Latina desde 2013, quando o fotógrafo Diego Pesoa foi agredido por um grupo de seguranças do artista em Buenos Aires. Logo após o incidente, um tribunal local exigiu que o cantor e seus seguranças comparecessem para interrogatório sobre o caso, o que eles fizeram. Por isso, o tribunal Nacional e o Criminal decidiu que, se o cantor retornar à Argentina, deveria ser preso, relata a agência Reuters.

O site de entretenimento FarandulaShow (www.farandulaShow.com) divulgou uma cópia do documento do tribunal com a decisão de Bieber ser detido, em sua página na Web. O secretário do tribunal, Soledad Nieto confirmou que o documento era autêntico. “Eu considero pertinentes para determinar a prisão imediata dos acusados”, dizia o juiz Alberto julho Banos no documento, datado de 8 de abril. O tribunal também ordenou a detenção de um dos seguranças de Bieber.

Deixe um comentário

Deixe uma resposta

Please enter your comment!
Please enter your name here

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.