Ciência

Empresa pretende lançar 700 satélites para fornecer acesso à internet em todo o mundo

Elon Musk, fundador das empresas SpaceX e Tesla Motors, definiu um novo projeto ambicioso. O empresário pretende lançar 700 satélites de telecomunicações para fornecer acesso à Internet em todo o mundo. As informações são do Actualidad RT.

Elon, em parceria com o diretor do Google, Greg Wyler, planeja lançar para o espaço cerca de 700 satélites de telecomunicações com 113,4 kg cada, segundo o The Wall Street JournalÉ metade do peso dos menores satélites de comunicações atualmente utilizados para fins comerciais. Ao mesmo tempo, a constelação de satélites é dez vezes maior que frota de satélites atuais.

No entanto, o novo empreendimento de Musk poderia enfrentar obstáculos financeiros, técnicos e regulamentares significativos. De acordo com os profissionais do setor, o projeto, agora em formação, vai custar ao empresário norte-americano-canadense e seus associados mais de 1 milhão de euros.

Wyler já havia apresentado um plano semelhante ao Google. Fontes próximas dizem que sua relação com a empresa se deteriorou em parte porque Wyler não tinha certeza se a gigante da Internet tinha bastante experiência na fabricação de satélites.

Quer receber as principais notícias do Portal N10 no seu WhatsApp? Clique aqui e entre no nosso grupo oficial. Para receber no Telegram, clique aqui

Siga o Portal N10 no Google News para acompanhar nossas notícias. Clique na imagem abaixo!

Romário Nicácio

Administrador de Redes. Co-fundador do Portal N10 e do N10 Entretenimento. Redator de sites desde 2009, passando pelo Notícias da TV Brasileira (NTB), Blog Psafe e vários outros de temas variados. E-mail: romario@oportaln10.com.br

Artigos relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Botão Voltar ao topo

Adblock detectado

Olá pessoal! O acesso ao nosso site é gratuito, porém precisamos da publicidade aqui presente para mantermos o projeto online. Por gentileza, considere desativar o adblock ou adicionar nosso site em sua white-list e recarregue a página.