Destaques, Plantão Policial

Em menos de cinco horas, PRF recupera quatro veículos roubados no RN

A Polícia Rodoviária Federal recuperou nesta segunda-feira, dia 21 de outubro, quatro veículos com registro de furto/roubo. O primeiro foi localizado, às 09h50, no município de Assu, no Km 126 da BR 304. Um Ford/Verona branco havia sido tomado de assalto uma semana antes, no último dia 14, em Parnamirim.

Em uma outra ocorrência, em São José de Mipibu, no km 118 da BR 101, às 12h30, foi preso um homem de 29 anos, condutor de um veículo Onix de cor prata. Ao consultar os sistemas, os PRFs descobriram que havia registro de furto do último dia 17, em São Paulo.

No mesmo horário foi recuperado em São Gonçalo do Amarante, no Km 167 da BR 406, um Ford Ka preto, roubado no mesmo município, no dia anterior (20). O condutor foi preso e reconhecido pelo proprietário como o autor do crime.

O quarto veículo recuperado foi um ciclomotor Shineray de cor preta, com queixa de furto/roubo, também do dia 17/10/19, em Mossoró. A abordagem ocorreu no km 47 da BR 110, por volta das 14h40.

As ocorrências foram encaminhadas à Polícia Judiciária das respectivas cidades.

De acordo com os dados estatísticos, a PRF já recuperou, neste ano, 173 veículos com registro de furto/roubo, além de apreender outros 67 por apresentarem sinais de adulteração nos itens identificadores.

Em nota, a Polícia Rodoviária Federal enfatiza que, “em caso de furto ou roubo de veículos, a pessoa deve comunicar o fato com a maior brevidade possível ao WhatsApp do número (84) 994505533.

O proprietário pode utilizar também o Sistema Nacional de Alarmes – SINAL, através do site www.prf.gov.br/sinal e fazer o registro da ocorrência.

You Might Also Like

Deixe uma resposta

Your email address will not be published. Required fields are marked *

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.