Destaques, Educação

Bolsa de estudo é alternativa para os pais economizarem nas mensalidades da escola

Matricular o filho em uma escola dos sonhos está longe da realidade do orçamento de muitas famílias. As bolsas de estudo são uma alternativa para a realização deste sonho.  O maior programa de inclusão educacional do país, o Educa Mais Brasil, oferece mais de 300 mil bolsas de estudo para a educação infantil em 2019.   O programa oferta também bolsas para O Ensino Fundamental e Médio. Confira as oportunidades.

Bolsa de Estudo Educação Infantil

Período em que as crianças são instruídas de forma lúdica e desenvolvem diferentes aspectos, como a cognição, psicomotricidade, cultura e convívio em sociedade. A educação infantil é formada pelas seguintes etapas: creche/berçário e o Grupo 01 ao Grupo 05.


Existem escolas cadastradas no Educa Mais Brasil em 2019. Há 15 anos, o programa é responsável pela inclusão educacional no país e disponibiliza bolsas de estudo. Para conseguir uma bolsa de estudo na educação infantil basta acessar o site do Educa Mais Brasil, informar a cidade e a série (ou grupo). A plataforma vai exibir as instituições com bolsas disponíveis, escolha a melhor opção e clique em Quero esta Bolsa. Realize a inscrição gratuita e aguarde o retorno do programa sobre a disponibilidade.

Bolsa de Estudo Ensino fundamental

Esse período passa a introduzir conhecimentos mais substanciais e desenvolve a capacidade de escrita e leitura, além dos conteúdos de matemática, ciências, etc. O Ensino Fundamental brasileiro é dividido em dois momentos: Ensino fundamental I, que compreende do 1º ao 5º ano, e Ensino Fundamental II, que vai do 6º ao 9ª ano.

O procedimento para conseguir uma bolsa de estudo do ensino fundamental é o mesmo realizado para educação infantil. No momento de escolher a série, informe se a bolsa é para o ensino fundamental I ou II. 

Bolsa de estudo ensino médio

A última etapa da educação básica brasileira é o ensino médio. Com duração de três anos, este ciclo passa a aprofundar os conhecimentos adquiridos no ensino fundamental e preparar o aluno para o vestibular.

Assim como a educação infantil e Fundamental, a bolsa de estudo do ensino médio pode ser conquistada através de uma inscrição gratuita no site do Educa Mais Brasil. As escolas parceiras do programa disponibilizam descontos de 50% nas mensalidades. 

Read More...

Educação

Aumento de instituições religiosas incentiva criação de novo curso no Brasil

Conhecido por sua diversidade religiosa, o Brasil está passando por um aumento no número de igrejas. De acordo com levantamento do jornal O Globo junto à Receita Federal, 67.951 entidades se registraram sob a rubrica “organizações religiosas ou filosóficas” entre janeiro de 2010 e fevereiro de 2017, uma média de uma por hora. Motivado por esse aumento, o Centro Universitário Internacional (Uninter) inaugura a pós-graduação em Gestão de Igrejas e Instituições Sociais.

“Embora a gestão de igrejas tenha muitos pontos em comum com a gestão empresarial, instituições religiosas têm suas especificidades e precisam de profissionais especializados”, explica Patrícia Carla Ferreira, professora e coordenadora do curso.

Logo, além de disciplinas tradicionais de supervisão, gerência e direção, os estudantes contarão com matérias específicas, como gestão financeira e legislação aplicadas às igrejas e instituições sociais. O curso visa religiosos, teólogos e gestores.

“Igrejas e instituições sociais têm objetivos específicos, que só serão atingidos com uma boa gestão. Por isso esse profissional se faz cada dia mais importante”, pontua a professora.

A formação é ofertada na modalidade à distância, em que as aulas são disponibilizadas por meio do Ambiente Virtual de Aprendizagem (AVA). Os estudantes têm acesso ao material didático digital e podem interagir com professores on-line. Também contam com a estrutura do polo de apoio presencial da Uninter mais próximo de sua casa.

As inscrições para a nova pós estão abertas até o dia 8 de março, nos polos da Uninter ou pelo site da instituição.

Read More...

Educação

Educação a distância dá direito a meia passagem?

A educação a distância proporcionou diversas benefícios aos estudantes que optam por essa modalidade. Entre as vantagens da EAD estão a flexibilidade dos horários e a diminuição dos custos. No entanto, mesmo com algumas mensalidades em um valor mais baixo, arcar financeiramente com um curso superior pode ultrapassar o orçamento disponível. Por isso, contar com a meia passagem nos transportes públicos pode auxiliar a equilibrar as finanças.

Atualmente o Brasil não possui uma legislação sobre a meia passagem estudantil válida para todos os estados. Cada município define as regras aplicadas ao bilhete único de estudante, cartão que dá direito ao desconto no transporte público. Por isso, para saber se o aluno do EAD tem direito a meia passagem, é necessário verificar com a secretaria de transporte da região em que reside.

Meia passagem em cursos a distância

Apesar dos benefícios para os estudantes, a maioria dos municípios negam a meia passagem nos cursos a distância. Quando precisam se dirigir à instituição de ensino, é o estudante quem precisar arcar com os custos do transporte.

Uma alternativa para diminuir os gastos com o curso EAD é conseguir uma bolsa de estudo de curso a distância. Com os descontos de até 70% nas mensalidades, fica mais fácil conciliar o investimento na educação com o orçamento disponível.

Para conseguir o benefício basta realizar uma inscrição gratuita no site https://www.educamaisbrasil.com.br/portaln10, informar a cidade, curso desejado e instituição de ensino, e aguardar a resposta do programa sobre a disponibilidade da bolsa.

Fonte: E+B Educação | Gabriele Silva

Read More...

Destaques, Educação

Colégios particulares do RN que ofertam bolsas de estudo

Encontrar colégios particulares que ofertam bolsas de estudo é uma oportunidade para economizar no orçamento familiar. A educação básica – composta pela educação infantil, ensino fundamental e médio – é um período de extrema importância para o desenvolvimento humano.

Nessa etapa são trabalhados diferentes aspectos, como a capacidade de conviver em sociedade, cognição, psicomotricidade, ética, entre outros, que são fundamentais para a formação de indivíduos éticos e responsáveis. No entanto, uma instituição preocupada com a qualidade do ensino pode pesar no orçamento, por isso conseguir uma bolsa pode ser a solução ideal.

Bolsas de estudo em colégios particulares do RN

Se você procura por Colégios particulares nas principais cidades de Rio Grande do Norte que dão bolsa, por exemplo, uma forma de facilitar a busca é pesquisar no Educa Mais Brasil. O programa é parceiro das melhores escolas do país e disponibiliza bolsas de estudo com 50% de desconto nas mensalidades. Para saber como conquistar o benefício, confira o passo a passo:

  • Acesse o site do programa clicando aqui;
  • Informe a sua cidade (Ex: quem busca por colégios particulares com bolsa de estudo na capital potiguar, deve colocar Natal no campo Buscando bolsas de estudo em)
  • Escolha a série ou grupo de ensino;
  • A página exibirá as instituições de ensino com opções de bolsas de estudo em sua região. Escolha a mais adequada e clique em Quero esta Bolsa;
  • Realize a inscrição gratuita e aguarde o retorno do programa para informar a disponibilidade da bolsa.

Seguindo esse passo a passo fica mais fácil investir na educação infantil sem desestabilizar o orçamento familiar. Quer conferir todas os detalhes? Dá uma conferida no site https://www.educamaisbrasil.com.br/portaln10.

Fonte: E+B Educação | Gabriele Silva

Read More...

Destaques, Educação

Escola de Música da UFRN oferece cursos gratuitos para pessoas com deficiência

A Escola de Música da Universidade Federal do Rio Grande do Norte (EMUFRN), por meio do Setor de Musicografia Braille e Apoio à Inclusão (Sembrain), divulgou o período de inscrição para os projetos de música para pessoas com deficiência e outras necessidades educacionais específicas.

As inscrições podem ser realizadas entre os dias 20 e 22 de fevereiro, de 8h às 11h ou das 14h às 17h, no setor de Musicografia Braille e Apoio à Inclusão da EMUFRN. Os documentos necessários são: cópia da carteira de identidade e CPF; cópia de comprovante de residência; ficha de inscrição preenchida; e laudo médico.

Os cursos oferecidos são gratuitos e têm previsão de início para o mês de março. São ofertadas vagas para diferentes modalidades e instrumentos. A quantidade de vagas oferecidas, horários e dias da semana podem ser conferidos em detalhes no edital do processo (clique aqui).

Outras informações podem ser conferidas também pelo telefone (84) 33422229 ou pelo e-mail: sembrain.emufrn@gmail.com.

Read More...