Destaques, Economia

Salário mínimo proposto para 2020 é de R$ 1.040

Pela primeira vez, o valor do salário mínimo ultrapassará R$ 1 mil. O governo propôs salário mínimo de R$ 1.040 para 2020, o que representa alta de 4,2% em relação ao atual (R$ 998). O valor consta do projeto da Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO) de 2018, apresentado nesta segunda-feira (15) pelo secretário especial de Fazenda do Ministério da Economia, Waldery Rodrigues.

Até este ano, o mínimo era corrigido pela inflação do ano anterior medida pelo Índice Nacional de Preços ao Consumidor (INPC) mais a variação do Produto Interno Bruto (PIB, soma dos bens e dos serviços produzidos no país) de dois anos anteriores. Como a lei que definia a fórmula deixará de vigorar em 2020, o governo optou por reajustar o mínimo apenas pela inflação estimada para o INPC.

A LDO define os parâmetros e as metas fiscais para a elaboração do Orçamento do ano seguinte. Pela legislação, o governo deve enviar o projeto até 15 de abril de cada ano. Caso o Congresso não consiga aprovar a LDO até o fim do semestre, o projeto passa a trancar a pauta. O valor do salário mínimo pode subir ou cair em relação à proposta original durante a tramitação do Orçamento, caso as expectativas de inflação mudem nos próximos meses.

O texto deve ser sancionado por Jair Bolsonaro até 17 de julho.

Read More...

Negócios

McDonald’s lança linha inspirada no seu sanduíche mais famoso: o “Big Mac”

A partir de hoje, o McDonald’s traz a linha completa dos “Novos Big” com cinco sanduíches exclusivos, receitas mais elaboradas e combinações indulgentes, que levam ingredientes poucas vezes vistos no cardápio da rede, como mostarda de cerveja, pepperoni e molho sabor whisky.

“O McDonald’s está sempre inovando, enquanto outros tentam copiar. E ninguém consegue criar versões de qualidade dos nossos sucessos melhor que o próprio McDonald’s. Por isso, trouxemos cinco sanduíches que entregarão sabores inéditos ao nosso consumidor, para surpreender quem já é fã dos Clássicos do cardápio”, afirma João Branco, Chief Marketing Officer do McDonald’s Brasil.

Os novos sabores estarão disponíveis por tempo limitado nos restaurantes do Brasil, a partir de R$ 28,90 na McOferta Média.

CONHEÇA OS “NOVOS BIG”

Big Fire: pão especial, dois hambúrgueres, molho pimenta biquinho, cebola, alface, queijo emmental, tomate e bacon.

Big Malt: pão especial, dois hambúrgueres, mostarda de cerveja, cebola crispy, alface, queijo emmental e bacon.

Big Four: pão, quatro hambúrgueres, pepperoni, maionese defumada, cebola crispy, mix folhas e queijo cheddar.

Big Beef & Chicken: pão, duas proteínas – sendo uma de carne e uma de frango, maionese, cebola caramelizada, alface, tomate e queijo cheddar.

Big Bourbon: pão, dois hambúrgueres, molho sabor whisky, molho cheddar melt, cebola crispy, picles e bacon.

Read More...

Destaques, Economia

Financiamento imobiliário: mutuários com um ano de serviço poderão sacar FGTS

Mutuários com um ano de trabalho com carteira assinada poderão usar o Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS) para liquidar ou amortizar o saldo devedor do financiamento imobiliário. O benefício é previsto no Projeto de Lei do Senado (PLS) 359/2015, aprovado nesta quarta-feira (10), na Comissão de Assuntos Sociais (CAS). O texto seguiu para a Câmara dos Deputados.

De autoria do senador Paulo Paim (PT-RS), a proposta reduz o tempo de serviço sob regime de FGTS exigido para a obtenção do benefício, atualmente de três anos, conforme a Lei 8.036, de 1990. O relator, senador Jayme Campos (DEM-MT), recomendou a aprovação da medida, com a rejeição de emenda anteriormente aprovada na Comissão de Assuntos Econômicos (CAE), que restringia a concessão aos trabalhadores menos favorecidos.

“Os prazos previstos nas modificações são justos e equilibrados. Com um ano de contrato de trabalho, sob o regime do FGTS, pode-se dizer que já há estabilidade, especialmente se considerarmos a precariedade das relações de trabalho atuais. Ademais, três anos de permanência no regime do FGTS, para a utilização dos saldos é um evidente exagero”, avaliou Jayme Campos.

Com informações da Agência Senado*

Read More...

Negócios

Novas lojas e unidade smart da Casas Bahia chegam ao Partage Norte Shopping

O Partage Norte Shopping anuncia a chegada de novas operações ao seu mix, como Casas Bahia, RN Pet, Parmeggio, Polo Club e Esmalteria Nacional. As novas lojas consolidam o empreendimento como um dos mais completos da região, atendendo à demanda sempre crescente dos moradores da Zona Norte de Natal.

“A diversificação do mix de operações qualifica o Shopping e, consequentemente, a experiência de todos os consumidores da região”, conta Julio Macedo, diretor de Gestão e Marketing da Partage Shopping.

A primeira operação a inaugurar é a Casas Bahia, que chega ao empreendimento com um novo formato de lojas físicas, chamado de Smart, que, além de ter espaço mais otimizado, também conecta a unidade física ao e-commerce. Administrada pela Via Varejo, a marca inaugura sua nova filial, na próxima quinta-feira, dia 11 de abril, no 1º piso do Partage, totalizando nove unidades, em sete anos de operação no Rio Grande do Norte.

Para a inauguração, a rede está com condições especiais de pagamento, como parcelamento no cartão da Casas Bahia, em até 14 vezes sem juros, além do carnê, que oferece a possibilidade de dividir as compras em até 24 parcelas.

A nova loja Smart, do Partage Norte Shopping, conta com 360 m² de espaço e será a terceira deste conceito, inaugurada no Estado, que já conta com uma unidade na capital e outra em Mossoró. O modelo proporciona maior integração dos ambientes online e físico, no qual os clientes poderão utilizar o novo Sistema de Vendas Via +, que garante acesso ao catálogo de outros produtos que não estão em exposição, bem como todos os itens próprios comercializados no site da marca.

Outra novidade é o modelo de atendimento, no qual, assessores de vendas vão acompanhar a jornada de compra dos clientes, desde a apresentação dos produtos, até o pagamento, proporcionando um atendimento mais personalizado. O novo formato conta ainda com WiFi gratuito, onde os clientes terão à disposição banda larga de grande escala, facilitando a experimentação streaming de TV’s Smart, smartphones e games.

Mix de lojas

Com o intuito de proporcionar mais comodidade e praticidade aos seus frequentadores, o Partage Norte Shopping traz operações inéditas ao mix de lojas, visando aumentar o desenvolvimento, geração de emprego e opções de compra para os moradores da Zona Norte.

Com inaugurações marcadas para o mês de maio, a RN Pet vem completar o conceito Pet Friendly do Partage, oferecendo produtos, alimentação e cuidados para os pets. A franquia Esmalteria Nacional chega ao empreendimento trazendo mais modernidade e sofisticação aos serviços de manicure e pedicure. Para tornar ainda mais saborosa a visita, a rede Parmeggio oferece diversas opções de saladas, massas e culinárias de diversas partes do mundo. Fechando o pacote, com mais opções de moda, a marca Polo Club passa a integrar o time de moda masculina do equipamento.

Serviço

Novas Lojas – Casas Bahia

Data: 11 de abril de 2019;
Local: 1º piso do Partage Norte Shopping
Endereço: Avenida Doutor João Medeiros Filho, 2395 – Potengi;
Contato: (84) 3674.8200 | 98189.8899 (WhatsApp)

Read More...

Destaques, Dicas

Cadastro Positivo: o que muda para o consumidor brasileiro?

Com a publicação no Diário Oficial da União da lei que desburocratiza as regras do Cadastro Positivo (Lei Complementar 166), começam a contar os prazos para o novo modelo entrar em operação. Pelos próximos 90 dias, haverá uma campanha de comunicação para conscientizar os consumidores sobre as novas regras. Já as informações do banco de dados estarão disponibilizadas para o mercado de crédito daqui a 150 dias.

Na avaliação do Serviço de Proteção ao Crédito (SPC Brasil) e da Confederação Nacional de Dirigentes Lojistas (CNDL), a principal consequência da nova lei será democratizar o acesso ao crédito e possibilitar juros menores para consumidores e empresas que honram seus compromissos financeiros. Além disso, haverá um estímulo à competição entre instituições financeiras e varejo.

Confira abaixo, como funcionará o novo Cadastro Positivo.

1. O que é o Cadastro Positivo? Qual sua finalidade?

Diferentemente do Cadastro Negativo, que aponta somente a situação atual de restrição ao crédito, o Cadastro Positivo é um banco de dados que apresenta o histórico de pagamentos realizados pelos consumidores. Trata-se de um serviço gratuito em que todos têm direito de participar. Sua finalidade é possibilitar aos consumidores acesso ao crédito com mais facilidade e juros menores (de acordo com a análise das empresas credoras), pois com seu histórico de pagamento disponível, eles conseguirão dar mais insumo às empresas no momento da análise de crédito. As informações do histórico de pagamentos dos consumidores que constarem no Cadastro Positivo serão utilizadas única e exclusivamente para subsidiar a análise de crédito.

2. Qual a principal mudança aprovada pelo Congresso na lei do Cadastro Positivo?

A principal mudança é no formato de entrada dos consumidores no Cadastro Positivo. Com o novo modelo, todos os consumidores passam a participar automaticamente do banco de dados. Mas os consumidores não são obrigados a permanecer na base do Cadastro Positivo e podem pedir a exclusão de seus dados, de forma gratuita, a qualquer momento. Assim como podem voltar quando quiserem. Os consumidores poderão solicitar o cancelamento de seu Cadastro Positivo pelo SAC 0800 887 9105. As informações saem automaticamente do banco de dados e não ficam mais acessíveis para a consulta, seja do próprio consumidor ou das empresas que concedem crédito.

3. Quais são as principais vantagens do Cadastro Positivo para os consumidores?

As principais vantagens do Cadastro Positivo são proporcionar aos consumidores uma análise de crédito mais abrangente e assertiva, possibilitar que eles negociem melhores prazos e taxas de juros, de acordo com a análise de cada empresa, e facilitar a aprovação de empréstimos e financiamentos. A expectativa é que o Cadastro Positivo democratize o acesso ao crédito incluindo pessoas que até então não tinham essa oportunidade.

4. Quais as desvantagens que o consumidor terá ao pedir sua exclusão do Cadastro Positivo?

Uma das principais desvantagens é que a avaliação de crédito do consumidor será realizada com base nas informações restritivas, fornecendo ao mercado uma visão parcial do seu histórico de pagamento. Dessa forma, no momento da análise de crédito, as informações de pagamentos do seu Cadastro Positivo não serão consideradas.

5. Um consumidor com histórico de bom pagador que, eventualmente, se esquecer de pagar uma conta terá seu Cadastro Positivo prejudicado?

Na análise de crédito, as empresas tendem a atribuir um peso maior ao conjunto das informações que compõem o Cadastro Positivo, ou seja, a todo o seu histórico, não apenas a um evento isolado.

6. As empresas também serão inseridas automaticamente no Cadastro Positivo?

Sim. Todas as regras e benefícios que são direcionados aos consumidores pessoas físicas também devem ser considerados para as empresas, pois todas têm algum tipo de relacionamento comercial com fornecedores e clientes e, portanto, também terão um histórico de pagamentos.

7. Por que o SPC Brasil afirma que os juros cobrados do consumidor poderão cair com o Cadastro Positivo?

O acesso ao histórico de pagamento dos consumidores pelas empresas que concedem crédito possibilita uma análise mais abrangente e assertiva, melhorando a qualidade da oferta do crédito. Com isso, a expectativa é que haja uma diminuição da inadimplência, fato que abre espaço para a redução da taxa de juros, principalmente para os consumidores com um histórico de pagamentos em dia. Essa tendência já foi observada em diversos países ao longo dos anos após a implantação do Cadastro Positivo. Além disso, o Cadastro Positivo incentiva a redução de juros via competição entre as empresas que concedem crédito, pois informações que antes só as instituições financeiras de grande porte possuíam, agora são compartilhadas com o mercado de crédito como um todo. Essa redução só pode ser quantificada pelas empresas que concedem crédito de acordo com seus parâmetros internos.

8. Como é feita a formação do score do Cadastro Positivo?

O score de crédito é resultado da análise estatística dos hábitos de pagamento do consumidor, do seu relacionamento com o mercado e de seus dados cadastrais. O peso de cada uma dessas informações é definido de acordo com um estudo do comportamento histórico de grupos de indivíduos com características financeiras parecidas. Desse modo, estatisticamente, é possível comparar as características de um consumidor específico com outros do mesmo grupo para o cálculo da nota do score. Assim que o novo Cadastro Positivo entrar em operação, o consumidor pode acessar seu histórico de pagamentos gratuitamente pela internet em sua área logada no site do SPC Brasil ou por telefone, por meio do SAC 0800 887 9105.

Read More...