Dos 312 casos positivos de coronavírus em Natal, 219 já estão curados

Dos 312 casos positivos de coronavírus em Natal, 219 já estão curados

Dos 312 casos confirmados do novo coronavírus (Covid-19) até esta terça-feira (21), em Natal, 18 estão internados, segundo dados da Secretaria Municipal de Saúde (SMS), que ainda computa a cura e liberação do isolamento de 219 pacientes.

“De acordo com o protocolo do Ministério da Saúde, um paciente sintomático deve permanecer em quarentena por 14 dias. Após esse período, o isolamento pode ser interrompido se não apresentar mais nenhum sintoma. Se o paciente permanecer sintomático, deve manter o isolamento até 72h após os sintomas desaparecerem”, esclarece Juliana Araújo, diretora do Departamento de Vigilância da SMS de Natal.

A capital potiguar ainda registra, até esta terça-feira, 68 casos de pessoas que estão em quarentena domiciliar e um total de 7 óbitos por causa do novo coronavírus.

curados coronavrius covid 19 em natal

A maior parte dos casos confirmados de Covid-19 na capital potiguar está no bairro Tirol, na Zona Leste. Em seguida, vem Lagoa Nova, na Zona Sul, Ponta negra, na Zona Sul, e Pajuçara, na Zona Norte.

Confira a lista de incidência da doença por bairros:

  • Tirol 9,09 %
  • Lagoa Nova 8,39 %
  • Ponta Negra 7,69 %
  • Pajuçara 7,69 %
  • Nossa Senhora da Apresentação 7,69 %
  • Capim Macio 7,69 %
  • Potengi 6,99 %
  • Petrópolis 6,99 %
  • Candelária 6,29 %
  • Barro Vermelho 4,90 %
  • Alecrim 4,90 %
  • Quintas 2,80 %
  • Neópolis 2,80 %
  • Lagoa Azul 2,80 %
  • Planalto 2,10 %
  • Cidade da Esperança 2,10 %
  • Cidade Alta 1,40 %
  • Bom Pastor 1,40 %
  • Areia Preta 1,40 %
  • Rocas 0,70 %
  • Redinha 0,70 %
  • Pitimbú 0,70 %
  • Nossa Senhora de Nazaré 0,70 %
  • Nova Descoberta 0,70 %
  • Igapó 0,70 %
  • Cidade Nova 0,70 %

Esta notícia foi interessante para você? Compartilhe com seus amigos!

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

%d blogueiros gostam disto: