DNIT libera parte superior do Viaduto do Gancho de Igapó

DNIT libera parte superior do Viaduto do Gancho de Igapó

janeiro 11, 2021 0 Por Rafael Nicácio

O ministro da Infraestrutura, Tarcísio Gomes de Freitas, e o diretor-geral do DNIT, general Santos Filho, liberaram nesta segunda-feira (11) o tráfego de veículos na travessia superior do Viaduto do Gancho do Igapó. A estrutura integra conjunto de obras em execução no complexo viário.

Com a liberação parcial do viaduto, não será mais necessário utilizar desvios para os fluxos de veículos que circulam nos sentidos Ceará-Mirim/Centro de Natal e no sentido oposto. Equipes do Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (DNIT) trabalham na conclusão do sistema de drenagem e pavimentação das marginais.

As obras executadas pelo DNIT no Complexo Viário compreendem a adequação de capacidade da rodovia, com a construção do viaduto para o tráfego da BR-101/RN e de um túnel com dois ramos para o tráfego da Zona Norte, além da implantação de marginais de acesso ao comércio local.

De acordo com o DNIT, cerca de 50 mil motoristas passam pela região todos os dias. Com custo total de R$ 60 milhões, a obra que liga a BR-101 Norte à BR-406 e à RN-160 foi iniciada em março de 2020 e tem previsão de conclusão para fevereiro de 2022.

“Estamos liberando a travessia superior e agora a gente começa a trabalhar na drenagem, nas vias marginais, passarelas e na passagem inferior em “Y”. E ai no ano que vem a obra vai estar completamente entregue”, afirmou.

O ministro acrescentou que o trecho dá acesso ao Aeroporto de São Gonçalo do Amarante e disse que o terminal aéreo está em processo para ser leiloado até o final do ano, após desistência da atual concessionária, a Inframérica, que anunciou em 2020 que devolveria a concessão pública à União.

Além do ministro Tarcísio Gomes, também estiveram presentes à cerimônia os ministros das Comunicações, Fábio Faria e do Desenvolvimento Regional, Rogério Marinho, que são potiguares, além de deputados federais, estaduais e representantes dos municípios de Natal e São Gonçalo do Amarante.

Esta notícia foi interessante para você? Compartilhe com seus amigos!