dilma
Foto: Lula Marques / Agência PT

Assim como várias lideranças políticas, acadêmicos e cidadãos, a ex-presidente Dilma Rousseff usou as redes sociais para se pronunciar sobre o incêndio que destruiu o Museu Nacional, no Rio de Janeiro. Dilma, porém, recebeu uma alfinetada do candidato à presidência pelo MDB, Henrique Meirelles.

A ex-presidente afirmou em sua página oficial no Twitter que o incêndio seria consequência dos governos de Michel Temer e do PSDB. A ex-presidente ainda mencionou um golpe, que tentaria “transformar nossa história em terra arrasada”.

Henrique Meirelles, que também foi citado no tweet, acusou Dilma de oportunismo e afirmou que ela tentava “tirar proveito da situação para esconder nas cinzas do que sobrou a sua incapacidade de governar”.

Vários outros usuários também responderam Dilma Rousseff, com trechos de reportagens que denunciavam a deterioração do museu antes mesmo do governo Temer. O Museu Nacional enfrenta uma série histórica de corte de verbas, e em 2004, o então secretário estadual de Energia, Indústria Naval e Petróleo, Wagner Victer, já apontava para risco de incêndio na estrutura.

Assine nossa Newsletter e receba as principais notícias do Portal N10 em seu Whatsapp totalmente grátis. Clique no ícone do WhatsApp para ser incluído (não se esqueça de salvar nosso número na sua lista de contato!).

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.